ComportamentoReflexão

10 arrependimentos que você não desejará ter em 10 anos:

Conforme crescemos, nós não pensamos muito sobre como nossas vidas vão ser. Não temos que pensar no futuro, porque só nos preocupamos com a vida de hoje. Nós não temos que nos preocupar com dinheiro, porque não temos que o ganhar.



Não nos preocupamos com nada a não ser o momento presente, porque não sabemos de mais nada. Ainda não fomos apresentados aos horrores e atrocidades do mundo. Tudo o que importa é se divertir com os amigos, assistir nossos programas de TV favoritos e desenterrar minhocas. Ah, esses dias despreocupados – é divertido relembrar de vez em quando, certo?

Que tal vivermos no hoje, para que não nos arrependamos mais tarde?

Todos nós queremos voltar no tempo às vezes, de volta àqueles dias em que nada importava. No entanto, como sobreviver a uma vida onde não temos o desejo constante de estar em outro lugar? Que tal vivermos no hoje, para que não nos arrependamos mais tarde? Ideia simples em teoria, mas difícil de praticar.


Se você não gosta de sua vida agora, sempre pode mudá-la.

A seguir está uma lista simples de coisas que você pode se arrepender em 10 anos, se continuar vivendo a vida que vive agora.

Este artigo não se destina a fazer você se sentir mal sobre sua vida, mas sim, fazer as mudanças necessárias para não viver com o fardo dos arrependimentos mais tarde.

10 arrependimentos que você não quer ter em 10 anos:


1.Não seguir seus sonhos

De acordo com Bronnie Ware, enfermeira paliativa da Austrália, muitos de seus pacientes terminais listaram este como seu maior arrependimento. Ware cuidou de pacientes em suas últimas três a doze semanas de vida, e ouviu muitas histórias e confissões de todos eles. Ela disse que todos eles encontraram paz antes de sua morte, mas ouvir seus arrependimentos a emocionou tanto que ela realmente escreveu um best-seller sobre o assunto chamado “The Top 5 Regrets of the Dying”.

No livro, ela disse que muitos de seus pacientes não tinham honrado nem metade dos sonhos que queriam cumprir, e isso os levou a ter grandes arrependimentos antes do fim de suas vidas.

Não espere até estar no seu leito de morte para pensar sobre seus sonhos; viva-os agora, não importa o que você tenha que fazer para alcançá-los. Mesmo que você falhe, pelo menos terá tentado, em vez de desistir antes mesmo de começar.



2.Trabalhar exageradamente

Ware disse que este arrependimento veio em segundo lugar, com base na frequência que ela ouviu. Infelizmente, muitas pessoas já trabalham muito duro, mesmo quando adolescentes. No final de nossas vidas, não nos importamos com quanto dinheiro temos ou o que conseguimos. Nós nos lembraremos das conexões humanas que fizemos ou não fizemos.

Vamos pensar sobre as memórias que fizemos com os entes queridos e todas as pessoas bonitas que cruzaram nossos caminhos durante o nosso tempo aqui. Claro, todos nós temos que ganhar dinheiro para sobreviver, mas não coloque-o como prioridade e esqueça de construir uma vida fora do seu trabalho.



3.Não dizer o que você realmente pensa

Em terceiro lugar na lista de Ware, os pacientes também se arrependeram de reter seus sentimentos. Isso realmente não beneficia ninguém no final, porque você vai acabar com emoções reprimidas que vão assombrá-lo até o dia que morrer. A pessoa para a qual suas emoções são dirigidas não saberá como você realmente se sente, e ficará na escuridão sobre quaisquer questões que você tiver com ela. Mentir ou encobrir a verdade não faz bem a ninguém, então diga o que você quer dizer. Nem todo mundo vai gostar, mas pelo menos você poderá adormecer à noite sabendo que vive a sua verdade cada dia e não tenta mascará-la para ninguém.



4.Não permanecer em contato com os amigos

Pessoas no final de suas vidas também se arrependeram de perder o contato com os amigos. Em 10 anos, você vai se arrepender de não ligar para o amigo da escola com o qual gosta de conversar? Você vai se arrepender de não chegar à pessoa que quer conhecer melhor? Não deixe seu medo ou dúvida controlarem suas decisões. Alcance as pessoas e tenha uma chance em uma nova amizade. A vida é muito curta para viver tudo em sua cabeça; todos nós precisamos de conexão humana, então não tenha medo de se colocar lá fora, a fim de fazer novas amizades ou recuperar uma antiga.


5.Não estar feliz


Nós gostamos de pensar que forças externas controlam nossas emoções, mas a chave para o controle emocional está dentro de nós. Não escolhemos o que nos acontece, mas podemos escolher como reagimos a isso. A vida passa tão rápido, então por que gastá-la encontrando motivos para reclamar? Ser feliz não custa nada, mantém você mais saudável, torna a vida mais gratificante, atrai relações mais positivas, e assim por diante. Infelicidade realmente custa mais a longo prazo, e pode até levar a doenças graves. Nossa saúde mental, emocional e física depende de nossa percepção, portanto, se você quer começar a viver uma vida melhor agora, simplesmente mude a forma como olha para as coisas.


6.Se importar demais com o que os outros pensam

Como sociedade, gastamos muito tempo pensando no que os outros pensam de nós. No entanto, isso não ajuda em nossa felicidade ou sucesso. Só nos deixa loucos e sentindo-nos inseguros e deprimidos. Então, pare com a loucura. Viva sua verdade, trabalhe em sua vida, e pare de se preocupar tanto com o que todo mundo poderia pensar.



7.Preocupar-se demais

Passamos muito tempo de nossas vidas nos preocupando. Não importa o papel que você desempenha neste mundo, você tem algo para se preocupar. No entanto, vai deixar essa preocupação assumir a sua vida? Vai deixar o peso do fardo arrastá-lo para baixo? Ou vai liberar essas preocupações e perceber que este mundo se preocupa demais?

No final de sua vida, você vai se lembrar que as contas não pagas e dívidas, o que outras pessoas pensam de você, quanto dinheiro você tem, e tudo o mais não importa realmente. A natureza passageira da vida deve nos fazer abrir mão de nossas preocupações imediatamente, mas infelizmente, não sentimos quão rápido a vida passa até acordarmos um dia com 75 anos de idade. Então, começamos a ver quão pequenas são nossas preocupações. Mas, por que não escolher despertar para esta verdade agora? Lembre-se: não se preocupe; seja um guerreiro!



8.Não cuidar de sua saúde

Costumamos pensar que somos invencíveis, até que a vida nos prova o contrário. Quando somos mais jovens, é fácil pensar que viveremos para sempre. É fácil pensar que podemos ficar acordados até tarde, comer o que quisermos, beber nos fins de semana, e ainda acharmos que vamos viver com 100% de saúde. Bem, todas essas decisões terão consequências algum dia. Talvez não em 10, 20, ou mesmo 30 anos, mas eventualmente. Muitos problemas de saúde que enfrentamos hoje podem ser evitados se apenas cuidarmos de nós mesmos e honrarmos nossas mentes e corpos, então por favor, dê a si mesmo o dom da boa saúde. Você não vai se arrepender mais tarde.


9.Desvalorizar a vida

A maioria das pessoas desvalorizam a vida, mesmo que muitas pequenas coisas que experimentamos a cada dia sejam milagres. As abelhas que polinizam os alimentos que comemos, as plantas que nos fornecem alimento, o ar que respiramos que nos dá oxigênio, a água que bebemos que nos mantém hidratados, o sol que brilha sobre nós e nos dá vida – devemos apreciar tudo isso. Mesmo que você não tenha muito na vida, poderia pelo menos agradecer por ter o básico que o universo lhe fornece.

Tenha uma atitude de gratidão, e ela voltará a você dez vezes.


10.Não viver no momento

Mais do que qualquer outra coisa, parece que a maioria de nós tem problemas com viver no AGORA. Lembramo-nos do passado e desejamos poder trazê-lo de volta, ou desejamos um futuro que ainda não aconteceu. De qualquer maneira, vivemos fora do alinhamento com o presente, o que significa que NUNCA estamos realmente experimentando a vida. Estamos experimentando momentos em nossa memória, ou momentos em nossa imaginação. Nós não estamos experimentando os momentos crus, os momentos que se desenrolam diante de nossos olhos.

Lembre-se de que um dia, você não terá mais momentos presentes para experimentar. Não terá viagens para ir, montanhas para escalar, crianças para dar boa noite, ou um parceiro para abraçar. Você terá suas memórias, servindo como uma verificação da realidade. Você viveu seus sonhos, arriscou e agradeceu por cada dia em que acordou? Ou, você arquivou seus sonhos na pasta “Algum dia”, e se frustrou com coisas pequenas?

Acima de tudo, lembre-se de que você, e somente você, tem o poder de mudar sua vida. É preciso trabalho duro e determinação, a fim de viver uma vida verdadeiramente feliz, completa, mas no final do dia, o esforço que colocamos determina os resultados que obtemos.

Se você quer viver uma vida da qual não vai se arrepender em 10 anos, tudo começa com o que está disposto a fazer para se certificar de que isso não aconteça. Você já está com a chave, mas precisa encontrar a porta.

____

Traduzido pela equipe de O Segredo – Fonte: Power of Positivity

5 sinais de que alguém tem uma personalidade passivo-agressiva:

Artigo Anterior

21 mantras de relacionamento para orientá-lo a uma vida amorosa mais completa:

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.