8min. de leitura

10 benefícios surpreendentes da cerveja para a saúde

Você se sente culpado por beber uma ou duas cervejas? Não faça isso. Ao contrário do que a maioria das pessoas pensa o consumo moderado de cerveja vem a ser realmente bom para nossa saúde. Inúmeras pesquisas mostram os benefícios de se beber moderadamente, ou seja, uma latinha por dia para as mulheres e até duas para os homens. Isso não é uma desculpa para você afirmar que ir a um open bar trará benefícios para sua saúde.  A seguir, listamos alguns desses pontos que a cerveja pode ser favorável no nosso bem estar.



1. Pode ajudar a reduzir risco de doença cardíaca

Um estudo envolvendo 200 mil indivíduos descobriu que as pessoas que tinham o costume de beber um copo de cerveja por dia tinham 31% de redução na chance de sofrer alguma doença cardíaca.  Isto se dá por conta da cerveja derivar na sua grande parte de antioxidantes naturais, chamados fenóis. Porém, como já falamos acima, isso só ocorreu em pessoas que fizeram o consumo moderado, pois o estudo também mostrou um aumento de risco em sofrer uma doença cardíaca nas pessoas que consumiam maiores quantidade de cerveja.


2. Pode ajudar a proteger contra o Alzheimer

Um dos benefícios mais notáveis ​​para a saúde talvez seja o de que a cerveja tenha uma capacidade de prevenção contra Alzheimer. Pesquisadores da Loyola University Chicago Stritch School of Medicine, dos Estados Unidos, analisaram diversos estudos e chegaram à conclusão de que beber cerveja moderadamente gera 23% menos chances de desenvolver doenças cognitivas, incluindo a doença de Alzheimer. A explicação vem por conta de a cerveja possuir grande teor de silício, componente que protege o cérebro contra os efeitos nocivos de elevadas quantidades de alumínio no corpo, que vem a ser uma das possíveis causas do desenvolvimento do Alzheimer.


3. Pode ajudar a diminuir o risco de diabetes

Este é outro benefício notável do consumo moderado de cerveja. De acordo com um estudo de 2011 de Harvard, cerca de 38 mil homens de meia-idade e que bebiam 1-2 cervejas por dia apresentaram uma redução de 25% no risco de desenvolver diabetes tipo 2. O teor de álcool na cerveja aumenta a sensibilidade à insulina, que ajuda a prevenir o diabetes. Além disso, a cerveja é uma boa fonte de fibra solúvel, que por sua vez desempenha um papel importante para pessoas diabéticas pois auxilia na dieta saudável delas.



4. Pode ajudar a prevenir pedras nos rins

Um estudo realizado na Finlândia resultou que o consumo médio diário da cerveja pode reduzir o risco do desenvolvimento de pedras nos rins em 40%. Este benefício vem por conta da cerveja seja ser altamente composta por água (cerca de 93%), fazendo com que auxilie a eliminar as toxinas do corpo e manter os rins funcionando corretamente. Além disso, os compostos do lúpulo, que é utilizado na fabricação da bebida, ajuda a retardar a liberação de cálcio nos ossos e que por sua vez impede de acumular cálcio em forma de pedras no rim.


5. Pode ajudar a minimizar o risco de câncer

A cerveja contém um antioxidante importante conhecido como Xanthohumol, que é conhecido por ter propriedades anticancerígenas poderosas que ajudam a afastar as enzimas causadoras de câncer no corpo. Especificamente, o consumo moderado de cerveja ajuda a impedir certa reação química que pode levar ao câncer de próstata. As pesquisas também mostram que a cerveja reduz as chances de ter câncer de mama nas mulheres.


6. Pode ajudar a reduzir os níveis de colesterol

Se você esta em busca em um método não convencional para reduzir os níveis de colesterol no seu organismo, saiba que beber moderadamente cerveja vem a ser um ótimo caminho para isso. A cevada usada na fabricação dessa bebida contém um tipo de fibra solúvel, conhecida como beta-glucanos, que ajudam na redução dos altos níveis de colesterol.



7. Ela pode ajudar no controle da pressão arterial

De acordo com um estudo de Harvard as mulheres com idade entre 25 a 40 que bebiam cerveja moderadamente foram significativamente menos propensas a desenvolver pressão alta em comparação com as mulheres que bebiam vinho ou outras bebidas alcoólicas.


8. Ela pode ajudar a fortalecer os ossos

No processo de fabricação da cerveja usa-se muito silício, como já falamos acima, e este elemento está fortemente relacionado à saúde dos nossos ossos. Um estudo realizado nos EUA, pela Tufts University em 2009, estabeleceu que os indivíduos mais velhos que consumiram um ou dois copos diariamente de cerveja, apresentavam maior densidade óssea, ou seja, eram propensos a sofrer menos fraturas que os demais. No entanto, o estudo também descobriu que o consumo de mais de dois drinques aumenta o risco de fraturas ósseas.


9. Ela pode ajudar no combate a caspa

Outro fato interessante sobre a cerveja é que ela é considerada um dos melhores tratamentos naturais para caspa. Este benefício especial a saúde é dado, pois a cerveja é composta por níveis elevados de vitamina B. Basta lavar o cabelo com uma garrafa de cerveja de duas a três vezes por semana para se livrar da caspa e fazer o seu cabelo ficar extra macio e altamente brilhante.


10. Pode ajudar a reduzir o risco de derrames

Estudos realizados pela American Stroke Association têm mostrado que pessoas que bebem quantidades moderadas de cerveja reduzem em 50% o risco de acidentes vasculares cerebrais quando comparadas àquelas que não bebem. Pesquisadores da universidade de Harvard explicam que quantidades diárias e moderadas de cerveja tornam nossas artérias flexíveis e com maior fluxo sanguíneo, ajudando a prevenir a formação de coágulos sanguíneos – que vem a ser bloqueadores do fluxo de sangue para o coração, pescoço e cérebro, e uma das principais causas dos acidentes vasculares cerebrais isquêmicos.

Lembre-se que a chave para colher estes benefícios surpreendentes para a saúde é o consumo moderado de cerveja, a ingestão excessiva de qualquer bebida alcoólica pode ser desastrosa para seu organismo.

 

___

Traduzido pela equipe de O Segredo

Fonte: Life Hack

Você sabia que O Segredo está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.