FamíliaO SegredoPais e Filhos

10 coisas que você nunca deve fazer para seus filhos achando que são atos de amor

mf

Nós queremos dar aos nossos filhos o melhor. Gostaríamos de dá-los tudo o que não tivemos. Mas às vezes os pais vão longe demais com a forma de mostrarem sua afeição. E isso não é o melhor para suas crianças. Antes que as coisas fiquem fora de mão, se atente para os pontos listados abaixo.



1. Fazê-los sentirem-se como reis.

É importante fazer seus filhos se sentirem especiais, mas perder sua autoridade sobre eles só trará consequências negativas. Afirmar sua autoridade significa estabelecer limites. Embora seja vital estabelecer a seus filhos determinadas responsabilidades, é seu dever como pai guiá-los e ajudá-los a serem bem sucedidos em todas as áreas.



2. Confiar-lhes muito dinheiro.

O dinheiro é uma ferramenta, nunca um enfeite. Quanto mais cedo você fazê-los entender isso, melhor seus filhos irão ser. Embora estejamos vivemos em uma época de facilidades, é seu trabalho gerir os recursos, não importa a abundância. Confiar-lhes muito dinheiro ou comprar-lhes joias caras em seus primeiros anos vai os sobrecarregar, e o resultado final será uma criança extremamente ingrata por tudo.


3. Impedir-lhes de trabalhar.


O trabalho é essencial na vida. Adultos responsáveis trabalham para se sustentar. Fazê-los entenderem isso é benéfico para seu sucesso na fase adulta. Compreensivelmente você pode querer protegê-los de qualquer coisa que é trabalhosa, mas ensinar-lhes a lição vital do trabalho será uma atitude mais protetora do que destrutiva. Deixe-os apreciar a sensação de conseguir algo valioso por seus próprios esforços e sentirem orgulho disso.


4. Incentivá-los a não retribuir.

Uma das lições mais importantes que meus pais me ensinaram foi por que eu deveria retribuir. Esse é o fluxo da vida. Você recebe e dá. Não impeça seus filhos de serem voluntários em ações ou caridade.



5. Não exigir que sejam gratos.

Você pode sentir que seu filho merece tudo o que recebe e não deve nada a ninguém. Mas isso não desperta um espírito apreciativo neles. Palavras como “obrigado” os fazem compreender a importância de tudo o que os é dado.



6. Agir como uma criança mimada diante deles.

Nós, como pais devemos dar o exemplo. Nossos filhos devem enxergar responsabilidade e firmeza em nós. Não deveríamos lamentar e reclamar de tudo na frente deles.


7. Deixar de estabelecer limites.


Por natureza, as crianças querem ser mimadas. Não é seu dever como pai fazer isso acontecer. Ao invés disso, você está destinado a certificar-se de que se seus filhos se tornem comportados e simpáticos. Para fazer isso, é necessário estabelecer limitações e restrições, se não a criança torna-se desrespeitosa e rude.


8. Deixar que tudo seja do jeito deles o tempo todo.

É tudo sobre escolher o que você deve e não deve dar a eles. Há uma diferença entre querer o novo Playstation e querer doces. Cabe a você escolher as coisas que serão e não serão do jeito deles.



9. Oferecer-lhes presentes pelas razões erradas.

Se o seu filho está entediado com o velho brinquedo que você o comprou, e por isso tem que dar um novo para que ele pare de reclamar, você está oferecendo-lhe presentes pelas razões erradas. Os presentes devem ser oferecidos para mostrar que eles são merecedores e responsáveis ​​o suficiente para cuidá-los.



10. Privar seu filho de responsabilidades.

Seu filho deve ser responsável por suas ações. Sim, ele vai cometer erros, mas não responsabilizá-lo por estes erros o privará de ver a importância de aprender com eles.

 

___


Traduzido pela equipe de O Segredo

Fonte: Life Hack

8 alimentos que mulheres devem comer + 5 alimentos a evitar para a balança hormonal

Artigo Anterior

10 coisas que você vai aprender ao se relacionar com uma mulher independente

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.