8min. de leitura

10 dicas para superar o fim de um relacionamento

A pergunta que você deve estar se fazendo nesse momento é: como eu vou superar o fim do meu relacionamento? 

Dói, não é? Você cria o “felizes para sempre” e, de repente, ou não tão de repente a história acaba. Pode durar alguns meses ou até mesmo anos, terminar uma relação nunca é fácil. Fica faltando uma parte, um sorriso, as manias do outro, fica faltando a nossa parte alegre.


O pânico ao se ver sozinha tendo que encarar o mundo lá fora é enorme, dá vontade de literalmente sumir, de acordar e descobrir que tudo foi um grande pesadelo. Antes fosse, mas não é.

Seguir em frente é um processo doloroso, pois parece que a dor e a falta que o outro faz nunca vai ter fim, mas acredite em mim, vai passar. A pergunta que você deve estar se fazendo nesse momento é: como eu vou superar o fim do meu relacionamento? Eu já passei por isso e gostaria que naquele momento alguém tivesse me dito o que eu vou compartilhar com você. São dicas fáceis, aplicáveis e que ajudarão a fazer desse momento uma etapa de descoberta e transformação pessoal.

Leia esse texto com o coração aberto e, no final, escolha os pontos que mais fizerem sentido e pratique. Vamos lá? 

1. Aceite que você não está bem

Você pode ter sido abandonado (a), traído (a). Você pode ter terminado o relacionamento, ou foi uma decisão a dois, não importa. Se está doendo e você está passando pelo processo de luto pós-término, aceite suas emoções. É possível que você se pegue chorando, sem controle. Você não precisa fazer de conta que está tudo bem, quando não está. Dê-se um tempo para entender as mudanças.



2. Você em primeiro lugar

Nesse momento, a alimentação adequada é esquecida, sorvete e chocolate viram melhores amigos, ou se come demais ou de menos, a vontade é de ficar no fundo do poço sem contato com o mundo. Mas como diria uma amiga, “melhore”! Sua dor não vai fazer o tempo passar mais rápido e alimentar-se bem, tomar água, fazer caminhadas ou sua atividade física favorita vai ajudá-lo (a) a ter energia para passar por todo esse processo.


3. Sofra: Isso mesmo, você não leu errado

Chore, soque o travesseiro, permita-se sentir essa dor. Essa é uma das etapas que vai ajudá-lo (a) a superar ainda mais depressa o fim da relação. Lembre-se: você não precisa ser forte o tempo inteiro.


4. Vibe lá em cima

Isso significa que Marília Mendonça e Henrique e Juliano estão proibidos, ok? Nada contra esses artistas, pelo contrário, eu os adoro. Porém, nesse momento, o indicado é você ouvir músicas alegres, que o deixem com vontade de dançar e sorrir. (Aquele pen drive que você ganhou dele, não vale, tá ?)



5. Ocupe seu tempo

Eu entendo que a vontade é de ficar reclusa vendo Netflix, porém eu o (a) convido a fazer uma lista de coisas que você gosta (inclusive aquelas que você abandonou depois de começar o relacionamento) e comece a fazer uma por dia. Isso vai abrir a sua mente, deixá-lo (a) de bem consigo mesmo (a)  e mostrar a você que a vida continua. Esse é um bom momento para fazer mudanças em sua vida, como: começar um novo projeto, cortar o cabelo, iniciar a academia, fazer novas amizades, viajar (mesmo que sozinho (a)), aprender algo diferente, ler, ter um novo hobby.


6. Pare de ter pena de si mesmo

Se você chegou até aqui, você está pronto (a) para ler isso. Eu sei que a dor é enorme, que só você sabe o que está passando, mas uma coisa é certa: ficar na posição de vítima não vai ajudar em nada nesse momento. Nada de expor sua vida nas redes sociais ou postar indiretas, o melhor é dar um tempo das redes sociais, pois elas trazem informações que fazem com que você crie histórias, tentando preencher lacunas de forma dolorosa. Levante essa cabeça, aceite que o que aconteceu e não pode ser mudado e escolha superar.


7. Faça um detox

Livre-se de tudo que o (a) lembre do (a)  ex, se quiser guardar algumas coisas, que seja fora do seu alcance para evitar ficar remoendo lembranças. Troque as cortinas do quarto, mude os móveis de lugar, pinte as paredes ou compre novos enfeites, faça algo para deixar seu espaço com uma cara nova. Outro passo necessário no detox é evitar contato com o (a) ex  (caso tenham filhos, mantenha o mínimo possível). Ficar olhando o Facebook e o Instagram, olhar a última visualização no WhatsApp é pedir para sofrer – vai deixar você ansioso (a), provocar mal-estar e tornar mais difícil a superação. Defina um plano de emergência: o que você pode fazer quando tiver uma vontade incontrolável de falar com ele (a) ou persegui-lo (a)? Vale fazer 100 abdominais, tomar um banho, fazer palavras cruzadas, respirar fundo 20 vezes. Coloque sua atenção em outra coisa até que a vontade passe.


8. Busque ajuda

Ter uma rede de apoio nesse momento faz uma diferença enorme! Peça ajuda para seus amigos e familiares. Se no tempo que durou a relação você se afastou da sua família ou amizades, esse é o momento para recuperar e fortalecer essas relações. Caso você não tenha ninguém por perto em quem confiar ou mesmo esteja longe da sua família, avalie se é o caso de procurar por um profissional de sua confiança para ajudá-lo (a) a passar por tudo isso. O importante é que você não passe por essa fase sozinho (a).


9. Faça uma avaliação

Um término sempre deixa grandes lições. Que tal avaliar os seus erros e as atitudes que precisa mudar? Reflita sobre o que você não quer mais viver em um relacionamento daqui para frente, o que você não aceita mais, tenha uma conversa franca consigo mesmo (a) sobre porque as coisas chegaram ao ponto que chegaram e esteja disposto (a) a aprender e a dar passos em direção a novos capítulos da sua história.


10. Viva

Com o passar do tempo, você estará mais forte e maduro (a) e terá aprendido mais sobre si mesmo (a). Aproveite as oportunidades que surgirem, dê tempo ao tempo e não se feche para novas experiências. Não precisa acabar um relacionamento hoje e estar na balada amanhã, mas também não deixe de acreditar nas relações e no amor. Muitas coisas acontecem para nos ensinar, esteja atento (a) para a lição e siga com o coração aberto e muita vontade de se reconstruir.


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: eevl / 123RF Imagens





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.