ComportamentoO SegredoVida

10 lições de vida que você aprende no mundo real, não na escola

Quando você está na escola, tudo parece super importante. Mas depois de se formar e entrar no mundo do trabalho, as pessoas costumam ver que as coisas nem sempre são o que parecem.



Volte e visite o seu eu recém-formado. Que mensagem você tem para ele?

Para colocar as coisas em perspectiva, eu gostaria que o meu eu mais jovem soubesse que algumas coisas não importam tanto quanto outras. Às vezes, a melhor maneira de aproveitar ao máximo a vida é refletir e fazer uma pausa nas lições de vida aprendidas até agora.

Aqui estão algumas coisas que você percebe depois de se formar:


1. Você ainda não entendeu tudo, e não há problema nisso

Muitas pessoas pensam que quando se formarem, vão ser agraciadas com clareza instantânea. Mas no mundo “real”, todo mundo se surpreende. Mesmo em seus 20s, 30s, 40s, 50s e até 60 anos, as coisas ainda estarão evoluindo e se encaixando. A vida é uma evolução de mudanças; você pode reinventar-se e mudar de ideia a qualquer momento, e está tudo bem. Aprender quem você é, é uma viagem ao longo da vida.


2. Quanto mais velho você fica, mais difícil é mudar um hábito


Quando você é jovem, muda rapidamente. Com a idade, seu cérebro se programa para voltar a cair em certos hábitos, e se torna muito mais difícil mudá-los. Seja honesto consigo mesmo; se existe um hábito que você quer mudar, nunca é tarde demais. Basta ter paciência, pois a mudança é mais difícil conforme você envelhece.


3. Pontes queimadas ficar com você para a vida

Na faculdade, pode ter sido fácil falar pelas costas de certas pessoas, ou criar um clube “eu odeio o meu ex”. Mas quando você se forma, percebe o quão importante são todos os relacionamentos. Uma ponte queimada vai ficar com você para sempre, e aprenderá rapidamente que o perdão é a ferramenta mais essencial para o sucesso. Quem pode perdoar você hoje?



4. Suas crenças não são tão importantes quanto o seu comportamento sobre essas crenças

Suas crenças e valores são importantes para você, mas como você age e conversa com outras pessoas sobre o que acredita é muito mais importante do que a crença real. Trate os outros com bondade e respeito não importa quão diferentes sejam as suas opiniões. O contraste pode trazer clareza.



5. Quanto mais você acreditar em si mesmo, menos precisará da aprovação dos outros

Você não precisa debruçar nos outros para conseguir apoio. Quando tem um sonho ou objetivo, a coisa mais importante é acreditar em si mesmo. As pessoas vão dizer-lhe que não pode ser feito, mas quando você se conectar com seus próprios sonhos, será implacável.


6. Quase tudo é simples, mas nem sempre é fácil


Com a idade, você começa a aprender que quase tudo é relativamente simples. Você reconhece que não tem que trabalhar tão duro ou se preocupar tanto, as coisas parecem cair no lugar, mas aprender isso e aceitá-lo como verdade nunca é fácil.


7. As pessoas e situações em seu passado nunca aconteceram aleatoriamente

Você aprende rapidamente como tudo está conectado. Em vez de olhar para a sua vida como uma experiência aleatória de ocorrências desconexas, começa a ver que ela não está acontecendo com você, mas para você.



8. Às vezes, não conseguir o que você quer é a maior de todas as bênçãos

Tudo faz parte de um plano maior. A rejeição é realmente proteção.



9. Tudo tende a funcionar do jeito que deve

A faculdade não é o lugar onde você se encontra. Depois de se formar e entrar no mundo do trabalho, você percebe que ainda está mudando, crescendo, tornando-se mais de quem realmente quer ser. Você provavelmente vai insistir sobre coisas que estão fora de nosso controle. Na vida, as coisas sempre funcionam do jeito que devem, por isso não há necessidade de se preocupar.


10. Você deveria ter confiado em si mesmo muito antes


A relação que parecia ser uma luta, a comida que fez seu estômago revirar, eram todos pequenos sinais de que as coisas estavam fora de lugar. Aprender a confiar em si mesmo é algo que vai ajudá-lo a se sentir mais livre. Pare de lutar consigo mesmo e confie em seus instintos. Confie em seu coração – ele sabe o que sua cabeça ainda tem de descobrir.

 

___

Traduzido pela equipe de O Segredo

Fonte: Mind Body Green

Seus objetivos estão servindo seu ego ou sua essência?

Artigo Anterior

10 razões pelas quais você ainda não encontrou a auto aceitação

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.