publicidade

10 virtudes que mostram que você é uma boa pessoa:

Ser uma boa pessoa é muito difícil, muito mais do que as pessoas pensam. Fazer a escolha certa e a escolha fácil diferencia uma pessoa  boa, de uma farsante.



A escolha certa é sempre mais difícil e é por isso que muitos decidem evitar e acabam buscando um caminho mais fácil.

Seguindo esta linha de pensamento, destacamos 10 virtudes que evidenciam que você é uma boa pessoa e sempre faz o que pode para fazer o certo:

1. A bondade

Começando com o mais óbvio, a bondade é o principal que nos diz que estamos fazendo a coisa certa, em vez da mais fácil. Significa ter a disposição para fazer o bem às coisas e aos outros.


2. A ética

Ter um conjunto de princípios morais, especialmente aqueles relacionados a um determinado grupo, campo ou forma de conduta, definirá uma pessoa como ética. Devemos ter regras e comportamentos baseados em idéias do que é bom e do que é ruim. Não trair sua namorada é ético, mas trair sua namorada e pensar que pode sair ileso dessa é antiético e, definitivamente, não é uma característica de uma boa pessoa.



3. A equidade

Ser justo é justificável. A equidade remete à justiça, reconhecer os direitos de cada um, utilizando a equivalência que nos torna a todos iguais. Reconhecer que você não está acima da lei e do seu próximo, diz muito sobre uma pessoa.


4. A moralidade

Moralidade é até visto como um sinônimo da ética, mas tem um significado diferente. A moralidade é um sistema de valores, um todo de condutas, que uma boa pessoa deve possuir. O certo ou errado é justificado pelos princípios morais que a sociedade atual possui.


5. A integridade

A honestidade sempre vence. Pode levar um dia, um ano, ou até mesmo uma década, mas vai mostrar que você fez a coisa certa. A verdade deve ser falada mesmo que sua voz trema. Fazer a coisa honesta e dizer ao seu amigo que você viu sua namorada traindo-o seria moral e ser uma pessoa de integridade.



6. A dignidade

A resposta mais comum que as pessoas oferecem é que a dignidade é sobre o respeito. Pelo contrário, a dignidade não é o mesmo que o respeito. A dignidade é o nosso valor inerente e vale a pena como seres humanos; todos nascem com ele. O respeito, por outro lado, é obtido através de suas ações.


7. A honra

A verdadeira honra não tem nada a ver com nossos sentimentos e emoções. Começa como uma decisão do coração e é expressa externamente com respeito genuíno, reverência e a mais alta estima. Não pode ser limitado a um simples serviço porque, mais cedo ou mais tarde, a condição real do coração será testada e exposta.


8. A decência

Trata-se da Regra de Ouro: tratar os outros como você gostaria de ser tratado na mesma situação. Parece haver uma falta de compreensão entre muitas pessoas do que significa ser humano e reconhecer o que outras pessoas estão sujeitas. A decência humana básica reconhece a humanidade dos outros. Ela reconhece como todos nós podemos nos colocar em situações difíceis e precisamos de ajuda e compaixão, às vezes.


9. A respeitabilidade

Uma pessoa respeitável é aquela que não só respeita a si mesma, mas é respeitada pelo mundo em que vive. Quanto mais você pode viver como uma pessoa em que os outros realmente querem estar por perto, mais respeitável você se tornará.


10. A nobreza

Ok, essa palavra tem mais definições e isso não é “pertencer a uma classe com alto status social. É onde nos honramos por nossas boas ações e altruísmo.

“Para sermos bons de verdade, temos que sustentar todas as características acima e fazê-las permanecer dessa forma, ou então o bem estará sempre um passo a sua frente, e você vai persegui-lo toda a sua vida como uma pessoa mediana.”

_________

Traduzido pela equipe de O Segredo  Fonte: Simple Capacity

Direitos autorais da imagem de capa: supertrooper / 123RF Imagens

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.