Lei da AtraçãoO SegredoVida Plena

15 coisas magníficas que você já manifestou em sua vida

Porque seus pensamentos criam sua realidade com a Lei da Atração, você é literalmente responsável por tudo o que experimentou na vida. Você atraiu cada pessoa, evento e circunstância.



Embora algumas das coisas que você criou tenham talvez te decepcionado, há muitas coisas mais magníficas que você manifestou em sua vida. Mesmo sem tentar, você já criou algumas coisas que o colocam na categoria de mestre criador.

Seus pensamentos, crenças, expectativas e ações têm atraído cada um destes itens para você, mesmo que não tenha percebido no momento. Você tem muitas razões para ficar impressionado com sua capacidade de criar coisas maravilhosas! Aqui estão 15 coisas maravilhosas que você manifestou em sua vida com a Lei da Atração.

1. Cada dia ensolarado que você já experimentou.


2. Cada sorriso que você já recebeu de outra pessoa.

3. Cada por do sol bonito que você já assistiu.

4. Toda noite estrelada que já viu.

5. Cada momento de riso ou comédia que já aproveitou.


6. Todo ato de bondade que já presenciou ou recebeu.

7. Toda bela música que já ouviu.

8. Cada conhecimento que já adquiriu.

9. Cada delicioso pedaço de comida que já comeu.


10. Cada “eu te amo” que já ouviu.

11. Toda boa noite de sono que já teve.

12. Cada bebê ou criança adoráveis que já viu.

13. Cada abraço caloroso que já recebeu.


14. Cada amigo que já teve.

15. Cada membro da família que já acariciou.

Então, se você sentir que não está criando “coisas boas” o suficiente em sua vida, tome um momento para refletir. Você já é um mestre criador, já manifestou inúmeros tesouros! Tenha orgulho do que você tem alcançado, e acredite em sua capacidade de atrair beleza, amor, diversão e magnificência, porque há indícios de tudo isso ao seu redor.

 


___

Traduzido pela equipe de O Segredo

Fonte: Spirit Science and Metaphysics


10 coisas que sua irmã mais velha nunca te contou

Artigo Anterior

5 feridas de infância que continuam a nos machucar na fase adulta:

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.