8min. de leitura

15 Razões Porque Viajantes Frequentes Tendem A Ter Mais Sucesso

O sucesso pode ser definido de diferentes formas e é muito subjetivo, mas o fato é que algumas pessoas o alcançam e outras não. O que é que as pessoas de sucesso fazem ou tem para obter o sucesso que os outros não? Muita coisa já foi escrita sobre as habilidades e hábitos necessários para viver uma vida bem sucedida e eu acho que a maioria de nós sabe as coisas que poderiam trabalhar para melhorar esses aspectos como construir confiança ou superar medos para ser mais bem sucedido em áreas que temos interesse. Há pessoas que têm uma maior probabilidade de sucesso do que a maioria. Os viajantes frequentes são pessoas constantemente em movimento que aprendem muitas habilidades para a vida ao explorar nosso mundo. Aqui estão 15 razões pelas quais os viajantes frequentes são mais propensos a ser bem sucedidos:



1. Eles sabem como prosperar fora da sua zona de conforto

Os viajantes frequentes estão em situações desconhecidas regularmente. Eles devem trabalhar com o desconhecido por necessidade. Diante de inúmeras novas experiências eles aprendem valiosas estratégias de coping (estratégias para a redução do stress, envolvendo reações físicas ou emocionais) que os ajuda com a incerteza e como manter a calma e eficiência. Esta é uma habilidade fundamental para o sucesso nos negócios e para liderar pessoas.

2. Eles acolhem e adotam a mudança

Os viajantes convidam a novidade. Pessoas constantemente cercadas por coisas novas e diferentes evitam o tédio e aprendem a se concentrar melhor. Esta maneira de pensar inspira a inovação e a criatividade.

3. Eles sabem como administrar as suas emoções

Os viajantes frequentes experimentam níveis variados de estresse rotineiramente; conexões aéreas apertadas, interrogatórios de guardas de fronteira, e a equipe rude de hotel podem atacar os nervos de qualquer um. Os viajantes aprimoram a capacidade de gerir as emoções e manter a calma sob pressão desenvolvendo um astuto se senso de autoconsciência. Ser uma pessoa autoconsciente aumenta a produtividade e ajuda as pessoas a encontrar o que as faz feliz na vida – o sucesso máximo.


4. Eles confiam e nem sempre precisam estar no controle

Os viajantes têm que confiar em pessoas que não conhecem o tempo todo. Eles lidam com as barreiras linguísticas, motoristas de táxi em cidades estranhas e muitas vezes da bondade de estranhos. Aceitando o fato de que eles não podem estar sempre no controle ajuda a construir novos relacionamentos. Eles desenvolvem a confiança na sua capacidade de escolher amigos e conhecidos que são genuínos e de confiança.

5. Eles administram o medo e o superam

A chave do sucesso é tomar decisões. Quando você viaja muito você se coloca em situações onde muitas vezes não há um ponto de retorno. Isso faz as pessoas enfrentarem os medos de cabeça erguida e desenvolverem habilidades de enfrentamento e agir apesar do medo.

6. Eles reconhecem e aproveitam as oportunidades

Os viajantes têm uma abrangência maior de experiências e de conhecimento sobre o mundo. Eles aprendem novas e melhores formas de fazer as coisas que estão sendo expostos a diferentes costumes e culturas. Esse conhecimento os ajuda a reconhecer as oportunidades para melhorar e inovar em casa e em lugares que visitam.


7. Eles sabem como negociar para conseguirem o que querem

Os viajantes negociam para evitar serem aproveitados. Boa capacidade de negociação são necessários para conseguir o que você quer ou precisa, sem se tornar agressivo ou agressiva. Esta habilidade é importante para influenciar os outros e ajudá-los a compreender e aceitar suas ideias em negócios e como um líder.

8. Eles veem a beleza, onde a maioria não vê

Os viajantes frequentes veem muitos tipos diferentes de coisas e treinam seu cérebro para focar na beleza. A novidade constante mantém a mente e os olhos afiados. As pessoas que viajam veem a beleza onde os outros veem o normal. Esta habilidade pertence a grandes fotógrafos, escritores poéticos e fertiliza o jardim onde a inspiração cresce.

9. Eles são mais confiantes e sabem como fingir confiança quando vulneráveis

Pessoas que viajam muito aprendem a confiar em si mesmos e estão confiantes de que podem conseguir o que querem. Essa crença os ajuda a ser persistentes em face de obstáculos e recuperar melhor depois de uma falha.

10. Eles compreendem melhor as diferenças nas pessoas e são mais receptivos

Os viajantes estão sempre conhecendo novas pessoas. Eles tornam-se muito bons em fazer perguntas a fim de aprender sobre as pessoas que eles conhecem e de qual a sua opinião sobre sua cultura e cidade. As perguntas vêm naturalmente devido a curiosidade dos viajantes em aprender sobre os lugares que visitam. Isso inspira grandes conversas que ajudam os viajantes a compreender e aceitar as pessoas e seus pontos de vista em um nível mais profundo. Eles fazem amigos com facilidade e são amados por muitos por causa disso.

11. Eles sabem quando viver o momento

Aprender a viver o momento tem muitos benefícios físicos e mentais. Os viajantes frequentes sabem que o seu tempo em um lugar é efêmero. Isso os ajuda a pensar em viver o momento mais do que a média.

12. Eles sorriem mais e experimentam a felicidade mais vezes

Estudos mostram que as viagens nos fazem felizes. Os viajantes frequentes sorriem mais do que a média, porque eles exploram novos lugares regularmente. Sentem-se felizes porque começam a conhecer pessoas diferentes, ver os pontos turísticos incríveis, comer comida nova e deliciosa.

13. Eles entendem a importância de ouvir

Esta é uma habilidade de vida que muitas pessoas lutam. Aprender a se concentrar e realmente ouvir o que as pessoas nos dizem é muito importante para o sucesso na vida. Alcançar o sucesso é sobre construir relacionamentos e você constrói relacionamentos fortes compreendendo as pessoas. Pessoas que viajam muito, sabem que você realmente precisa ouvir para ter uma boa compreensão.

14. Eles são menos críticos e mais empáticos

Grandes líderes sabem a capacidade de se relacionar com os outros, ganhar lealdade e mover o negócio para a frente. Os viajantes frequentes aprendem a mostrar empatia e evitam ser críticos exacerbados devido a isso. A empatia vem de uma vontade de entender os outros, as pessoas que viajam possuem essa disposição naturalmente.

15. Eles podem não ser ricos, mas eles sabem como poupar e gastar sabiamente

Os viajantes frequentes sabem onde seu dinheiro vai mais longe. Ao tornar o mundo a sua casa, você pode escolher lugares com base no custo de vida. As pessoas que viajam e trabalham podem fazer menos e viver bem em uma série de países.

 

Fonte: Halmanak

Você sabia que O Segredo está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.



Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.