publicidade

25 coisas que você deve impedir que façam a você:

Socializar e fazer novos amigos é um dos prazeres da vida. Na verdade, isso é muito importante para se viver uma vida longa, saudável e feliz.



No entanto, é importante sermos cautelosos com as pessoas que deixamos entrar em nossas vidas e sobre como permitimos que elas nos tratem.

A maneira como permitimos que as pessoas nos tratem diz muito mais sobre nós do que sobre eles, e isso vale para amigos antigos , novos, conhecidos e familiares.

Se alguém nos trata mal, essa pessoa, obviamente, tem alguns problemas em sua vida. Mas se permitirmos que nos tratem mal, então, estamos dizendo que não somos valiosos o suficiente.

É hora de começar a defender a pessoa que você é e parar de deixar as pessoas fazerem coisas que o afetam de forma negativa.  Pare de deixar as pessoas fazerem essas coisas com você:

1. Sempre reclamarem

Quando alguém está sempre reclamando, sendo vítima e não pode contribuir para o seu relacionamento de uma forma positiva, deixe-os desabafar, mas certifique-se de que eles estão se esforçando para sair daquela situação.



2. Elogios sarcásticos

Conhece o tipo de elogio que alguns fazem, mas não o disseram com boas intenções?  Pare-os e peça-os que limitem-se aos autênticos elogios e apenas quando você for merecedor.


3. Carência excessiva

Se as pessoas recorrem a você para pedir ajuda com suas tarefas mais simples, eles estão roubando seu tempo. Pode parecer que é bom ser necessário, mas deve haver um equilíbrio.


4. Exigir todo o seu tempo

Pode parecer muito bom logo de início ter alguém querendo ficar o tempo todo com você, mas após a fase de “lua de mel” isso se tornará prejudicial. Se isso continuar, logo você terá problemas maiores em suas mãos.



5. Desaprovar seus outros amigos

Se eles estão encontrando coisas erradas com seus outros amigos na esperança de que você desista deles, você nunca será capaz de desenvolver o seu círculo social. A desaprovação dos outros não é problema seu.


6. Querer ser mais importantes que sua família

Eles estão buscando validação quando eles pedem que você os escolha sobre sua família. Alguém que realmente se preocupa com você deve saber o quão importante é a sua família e os laços que você compartilhou durante toda a sua vida.


7. Esperar que apenas você se comprometa

Todo tipo de relacionamento exige compromissos, mas quando você é a única pessoa que se compromete, existe um problema.


8. Brigas

A maioria das pessoas não gosta de viver constantemente brigando, mas existem aqueles que fazem isso como uma forma de exercer controle. Você merece mais do que se submeter a constantes brigas e negatividade.


9. Não dar prioridade a você

Quando tudo e todos não dão prioridade a você, então é hora de se defender.


10. Não ter confiança em você

Relacionamentos são construídos em confiança. Sem confiança, não há relação.


11. Evitar compartilhar sentimentos

É impossível crescer um relacionamento sem se tornar um pouco vulnerável e se abrir compartilhando o que se sente. Fique preocupado se o seu parceiro não está emocionalmente disponível para você.


12. Constantemente trazer o passado de volta

Não é nada de bom que constantemente joguem na sua cara seus erros passados.


13. Acompanhar todos os seus movimentos

Só porque alguém quer saber tudo sobre você, não quer dizer que deva. As pessoas devem respeitá-lo o suficiente para permitir que você viva sua vida e que fiquem bem com o fato de que você tem uma vida fora de seu relacionamento.


14. Ser rude com você e com os outros

Você merece estar perto de pessoas que têm a capacidade de serem gentis. Isso é tão simples!


15. Ter expectativas extraordinariamente altas

Uma coisa é ter grandes expectativas para si mesmo, mas impor essas expectativas aos outros não é aceitável. Se você sente que não pode acompanhar, a relação não é certa para você.


16. Sempre encontrar falhas em suas ações

Se você sente que não pode fazer nada direito, então, você nunca vai conseguir. Relacionamentos verdadeiramente solidários são acolhedores e servem de apoio.


17. Querer agradar sempre

Quando alguém se esforça demais para agradar, essa pessoa na verdade está buscando validação em uma fonte externa. Não emocionalmente estável o suficiente para estar em um relacionamento com você.


18.Desacreditar seus sonhos.

Você deve cercar-se  de pessoas que acreditam em seus sonhos, ou você terá dificuldade em alcançá-los.


19. Culpá-lo pelo que há de errado em sua vida

Aceitar a responsabilidade pelo que acontece em sua vida é uma parte importante de estar em uma relação próspera. Não permita que outra pessoa transfira culpas para você.


20. Fazer você se sentir envergonhado ou constrangido

Se alguém apenas se preocupa em humilhar você, essa pessoa, provavelmente, está mais focada em outras coisas do que em apoiá-lo.


21. Manipulação

Quando alguém usa emoção ou outras “táticas” para que você faça algo que não quer fazer, essa pessoa está usando o seu amor para manipulá-lo.


22. Preguiça

Se é você quem faz todo o trabalho, então, não é uma parceria de verdade, não é?


23. “Reescrever a história” para fazê-lo parecer ruim

Pessoas que lembram seletivamente de eventos para fazê-lo parecer ruim. Certifique-se de corrigir a pessoa com a sua versão da história.


24. Ameaças

Nada de bom pode vir de uma ameaça. Os parceiros não ameaçam, discutem e se comprometem.


25. Jamais perdoar

Se eles estão se apegando a erros do passado e se recusam a perdoar e esquecer, estão, em essência abandonando o relacionamento.


Conclusão: Confie em sua voz interior. Se algo não o faz se sentir bem, então, aquilo provavelmente não é bom para você, e é hora de se defender.

_____________

Traduzido pela equipe O Segredo – Fonte: Power of Positivity

Direitos autorais da imagem de capa: dobrydnev / 123RF Imagens

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.