Amor-PróprioO SegredoQualidade de vida

3 razões ingociáveis para deixar seu parceiro

Você já teve dificuldades para saber quando é hora de deixar um relacionamento? Você está atormentado com a dúvida “Terei ou não cometido um erro ao deixar meu parceiro? Sofrerei de arrependimento?”



Claro, as pessoas muitas vezes deixam as relações muito cedo, antes que tenham curado suas próprias feridas que levaram para o “sistema de relacionamento.”

Se você optar pelo término durante um estado em que culpa seu parceiro por sua infelicidade, então pode ter padrões que se repetirão em seu próximo relacionamento. Terminar um relacionamento requer cuidado, consideração e questionamentos.

No entanto, há sinais não negociáveis ​​que indicam que é hora de deixar o seu parceiro. Aqui estão três indicações urgentes de que é hora de terminar o seu relacionamento:


1. Abuso

Se você está em um relacionamento abusivo fisicamente, é hora de sair. Ponto. Mesmo que seu parceiro tenha se comprometido em buscar ajuda, você precisa sair até que a mudança realmente ocorra. Deixar a relação vai ser difícil, mas é a decisão certa.

Mesmo que seu parceiro apenas ameace abuso físico (mas não pratique), você precisa sair. Ameaças têm o potencial de serem fisicamente perigosas, e são emocionalmente abusivas. Você não quer se colocar em tal posição.

Se o seu parceiro é sempre verbal e emocionalmente abusivo, este é mais um sinal de que você precisa sair. O abuso verbal pode derrubar sua autoestima, e ter efeitos ainda mais prejudiciais – tanto em seu corpo quanto em sua mente.


É absolutamente essencial que você aceite o fato de que não tem controle se o seu parceiro é ou não abusivo. Você não é a causa.


2. Transtorno de Personalidade

Se o seu parceiro tem um transtorno de personalidade, tais como Transtorno de Personalidade Narcisista, ou Transtorno da Personalidade Borderline, e não está recebendo ajuda, você pode precisar sair. Pode ser muito doloroso estar na outra extremidade de alguns dos comportamentos daqueles que lidam com uma desordem de personalidade.


Muitas pessoas não sabem o que constitui um transtorno de personalidade, mesmo que estejam familiarizadas com alguns dos comportamentos que podem indicar esse transtorno. A especialista Randi Kreger referiu-se àqueles com transtorno de personalidade como “pessoas de alto conflito.” Elas exibem comportamentos em comum – tendem a te idealizar e depois criticá-lo, projetam suas emoções em você, te envergonham, tirar vantagem de você, mentem para você.

É verdade que os transtornos de personalidade podem ser curados com muito trabalho interior. Mas pode ser incrivelmente autodestrutivo esperar que o outro melhore a si mesmo para que a relação possa ser curada. Você não merece ficar esperando enquanto seu parceiro continua a prejudicar a sua vida, causando uma destruição emocional.


3. Vícios


Se o seu parceiro é um alcoólatra, viciado em drogas, jogador, viciado em sexo, viciado em gasto, ou em qualquer outra coisa que pode estar causando dano e dor a você ou qualquer outra pessoa, você pode precisar deixar – especialmente se ele não estiver recebendo a ajuda.

Seu parceiro pode ser capaz de lidar e superar o vício, mas esse não é o momento certo para estar em um relacionamento.

Para superar um vício, seu parceiro terá de dedicar tempo e esforço para crescimento pessoal, e pode ser uma luta para ele se dedicar ao autoaperfeiçoamento e, ao mesmo tempo, tentar ser um parceiro atencioso.

Estes três sinais são algumas das razões inegociáveis ​​mais comuns para deixar o seu relacionamento. Claro, um comum – e muito importante – motivo pode ser simplesmente você se sentir preso e desligado em seu relacionamento. Isto pode não ser abuso. Mas é um motivo para sair.


Por exemplo, se você está interessado no crescimento pessoal e seu parceiro não, você pode achar que já o superou.

Partir não é fácil. Pergunte a si mesmo: “Partir será um ato de autocuidado? Há mais para eu aprender nessa relação, ou posso aprender e crescer melhor fora dela?” Se for honesto consigo mesmo, vai saber as respostas a estas perguntas.

 

___


Traduzido pela equipe de O Segredo

Fonte: Mind Body Green

Meu mestre, meu ex-namorado!

Artigo Anterior

5 sinais de que seu relacionamento vai durar

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.