publicidade

4 alimentos que aumentam significativamente o risco de alzheimer!

No Ocidente está o maior número de morte por conta da doença de Alzheimer. Europa e as Américas dominam essas estatísticas. De acordo com especialistas, isso é em grande parte graças à dieta ocidental, que não é boa o suficiente.



Aqui estão 4 alimentos que aumentam o risco de Alzheimer:

1.Carne Vermelha

A carne vermelha contém grande quantidade de ferro, o que é bom – até certo ponto. De acordo com um estudo da UCLA, uma vez que você ultrapassa esse ponto, seu cérebro começa a recolher o excesso de ferro em sua massa cinzenta. Ao longo do tempo, isso acelera o dano oxidativo responsável pela doença de Alzheimer.

Isso não quer dizer que devemos desistir da carne vermelha por completo. A menos que seja processada; aí você pode esquecer. Quanto aos cortes frescos de carne, lembre-se – o equilíbrio é seu amigo.


4-alimentos-que2


2.Carboidratos refinados e açúcares

Em seu livro “Grain Brain”, Dr. David Perlmutter destaca uma conexão interessante entre carboidratos, açúcares e doença de Alzheimer. Como se vê, carboidratos aumentam perigosamente seus níveis de glicose no sangue. Isto causa a inflamação, que por sua vez aumenta o risco da doença de Alzheimer.

Isso explicaria porque os indivíduos com mais setenta anos que comem muito carboidrato e açúcares são quatro vezes mais propensos a desenvolverem a doença de Alzheimer.


Um ótimo começo, como o Dr. Perlmutter recomenda, é cortar o consumo de pão (trigo integral e branco).


3.Produtos de glicação avançada (AGE)

Você pode encontrar muitos destes compostos em alimentos como carne vermelha, queijo e produtos lácteos.

Pesquisadores observaram AGE no cérebro de pessoas com Alzheimer, e isso os levou a concluírem que estes compostos “podem contribuir para a eventual disfunção neuronal e morte como um fator importante na progressão de várias doenças neurodegenerativas, incluindo a doença de Alzheimer.”

Outros estudos confirmaram que aqueles que comem menor quantidade de alimentos AGE experimentam menor quantidade de degeneração cerebral.

4-alimentos-que3


4.Alimentos inorgânicos

De acordo com um relatório da Scientific American, a maior parte de nós ainda está comprando produtos inorgânicos. Isso pode parecer uma boa ideia para o seu bolso no curto prazo, mas você pode acabar pagando uma conta médica grande no futuro. Os pesticidas usados em alimentos inorgânicos estão ligados a um número de doenças – incluindo a doença de Alzheimer.

A culpa para a doença de Alzheimer, em particular, é uma classe de adubos que contêm nitrosaminas.

Estes fertilizantes também aparecem em cerveja e queijo.

Então – o que você deve comer para evitar a doença de Alzheimer?

Algumas coisas. O óleo de coco é uma delas.

Aqui estão mais alguns alimentos que combatem o Alzheimer:

  • Folhas verdes. Isso inclui verduras como espinafre e couve, que contêm grande quantidade de ácido fólico e B9. Ambos os compostos reforçam a cognição.
  • Feijão e legumes. Eles também contêm ácido fólico, além de magnésio, que aumenta a capacidade mental, e potássio.
  • Bagas contêm antocianina, que protege o cérebro dos danos oxidativos.
  • Ômega 3. Os ácidos graxos presentes no ômega 3 mantêm o seu cérebro livre das lesões associadas à doença de Alzheimer.
  • Nozes, amêndoas, castanha de caju e amendoim são exemplos de alimentos ricos em ômega 3.

* Nota: As informações e sugestões contidas neste artigo têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

___

Traduzido pela equipe de O SegredoFonte: David Wolfe

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.