4 coisas que você nunca deve esquecer na vida

6min. de leitura

“A coisa mais importante é aproveitar a vida – ser feliz – é tudo o que importa.” – Audrey Hepburn



Nos últimos 50 anos, as nossas vidas mudaram drasticamente. Estamos constantemente em movimento – sempre ligados e sob o comando do que a sociedade “deseja” de nós. Hoje, somos muitas vezes obrigados a trabalhar mais e receber menos. Estes esforços, na verdade, nos afastam de nossas famílias e das coisas que apreciamos.

Como seres humanos falíveis, nenhum de nós é completamente inocente. Muitos têm colocado muita importância em dinheiro e posses e pouca importância na família e relacionamentos. Nós temos sacrificado nossa saúde, autoimagem, relacionamentos e até mesmo os nossos valores e crenças, por segurança e prosperidade.

Então, fica a questão: Quais são as coisas mais importantes na vida?


Pense nisso por um segundo.

É o trabalho? Escola? Dinheiro? Carros? Posses?

Não há problema se essas coisas são importantes em algum grau. Mas devemos nos perguntar se realmente as consideramos entre as coisas mais importantes em nossas vidas ou se estamos colocando-as no lugar de outras coisas.


Esse “outras coisas” poderia ser amor, felicidade, alegria, autorrealização, autoconfiança, saúde, entre outras coisas.

Independentemente da forma como cada um de nós responde à pergunta acima, seria sábio examinar como gastamos nosso tempo e esforço. A razão é esta: podemos dizer ou até mesmo realmente acreditar que algo ou alguém é o mais importante, mas se não estivermos investindo nosso tempo e esforço nisso, realmente não fará diferença.

Aqui estão quatro coisas que nunca devemos esquecer nesta vida:

4 coisas que você nunca2

1.Saúde deve ser a nossa prioridade

“Saúde é a riqueza real, e não peças de ouro e prata.” – Mahatma Gandhi

Ser saudável na mente e corpo é a única maneira de viver uma vida plena. É importante notar a diferença entre uma deficiência/doença e saúde, pois aqueles com deficiência ou doença crônica, geralmente aprendem a aceitar sua condição e podem continuar a fazer grandes coisas. No entanto, as decisões que tomamos sobre a forma como tratamos nossa mente e corpo é uma receita para a infelicidade.


2.Os relacionamentos são o que realmente importa

“Nós temos este dom de amar, mas o amor é como uma planta preciosa. Você não pode simplesmente aceitá-lo e deixá-lo no armário ou achar que ele crescerá por si só. Você tem que continuar regando-o. Você tem que realmente cuidar dele e alimentá-lo. “- John Lennon

4 coisas que você nunca

Esta citação de Lennon não poderia ser mais correta. A verdade é que todos nós amamos e somos amados em troca. O problema com a maioria dos relacionamentos é que eles não tendem a ser “alimentados”, como diz Lennon.

Tragicamente, muitos relacionamentos murcham como uma planta por causa da negligência.

Vamos alimentar os nossos relacionamentos preciosos, e não deixá-los de lado.


3.A autoimagem positiva é primordial

“Não é o que você diz que determina a sua vida, é o que você sussurra para si mesmo que tem o maior poder!” – Robert T. Kiyosaki

Sem uma autoimagem positiva, nós nos importamos muito com o que os outros pensam e estamos constantemente nos comparando. As opiniões de outras pessoas sobre você carregam mais peso do que o que você pensa sobre si mesmo.

Quando temos uma autoimagem positiva, os conflitos internos acima mencionados caem no esquecimento. Temos coragem, confiança, resistência e, mais importante, a paz. Tal como acontece com a saúde, é muito difícil esculpir o caminho de nossa vida sem uma autoimagem positiva.

Pode parecer clichê, mas vale a pena repetir: todos nós temos falhas. A autoimagem positiva não é sobre gostar de tudo sobre si mesmo, trata-se de aceitar essas coisas enquanto continuamos dispostos a mudá-las.


4.Não devemos esquecer os nossos sonhos, valores ou propósito

4 coisas que você nunca3

“Se hoje fosse o último dia da minha vida, eu faria o que eu estou prestes a fazer?” – Steve Jobs

Outro clichê que vale a pena repetir: a vida é curta. É isso aí. A vida é curta. Demasiada curta para navegar um caminho que não se alinha com os nossos sonhos, valores ou propósito.

Tal como acontece com tantos outros aspectos importantes da vida, essas coisas são muitas vezes (inconscientemente, talvez) ignoradas ou substituídas por outra coisa que interessa muito menos. É difícil se esforçar continuamente para seus sonhos e esperanças em uma sociedade que se esforça para definir o sucesso para nós.

Aqui está algo importante: não é dever da sociedade definir o sucesso, é nosso. Mais uma vez, a vida é curta, e como o Sr. Jobs disse tão belamente:

“A morte é muito provavelmente a melhor invenção da vida. É o agente de mudança da vida.”

E você, precisa mudar alguma coisa?

___

Traduzido pela equipe de O SegredoFonte: Power of Positivity

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.