AmorO SegredoRelacionamentos

4 provas de que você tem um “namoceiro”:

Ter um namorado é fácil, qualquer pessoa tem. É bem mais fácil do que ter casa própria, carro quitado, filhote de Lulu da Pomerânia, visto para os EUA e porteiro que não curte fazer fofoca. Difícil mesmo é ter um “namoceiro”. Ainda não sabe o que é “namoceiro”?



É um cara que, além de namorado, também é parceiro. E vice-versa, obviamente. Você tem um? Não tem certeza? Talvez? Calma, calma, foguetinha! Não entre em pânico. Leia o texto até o final e descubra se você ganhou na loteria do amor ou se tem, apenas, alguém para abrir potes de azeitona (coisa que o seu vizinho gostoso faria com muito mais charme).


1. COM ELE, FILA DE BANCO VIRA CARNAVAL FORA DE ÉPOCA


O “namoceiro” – diferente de um namorado comum, espécie mais encontrada no mercado – consegue transformar uma ida ao cartório em um programa memorável, com direito a papos interessantes e piadas capazes de fazer com que o tempo voe e a demasiada burocracia nem seja notada. Com o “namoceiro”, faça chuva ou faça sol, você se divertirá à beça.

Ele provará que ter uma boa companhia é mil vezes mais importante do que o número de estrelas que um hotel tem. E, em um hotel meia-estrela – do tipo que até caminhoneiro pançudo acha ruim -, ele fará com que você tenha momentos inesquecíveis. Enquanto o namorado comum vive a achar defeitos em fantásticas comidas de bistrô, o “namoceiro“ consegue enxergar qualidades em um mero pão de queijo de loja de conveniência. E atitudes assim, com certeza, farão com que você queira a companhia dele em todo lugar, do mais chique ao mais simples.


2. ELE FARÁ O POSSÍVEL PARA FICAR AMIGO DOS SEUS AMIGOS


O namorado comum, antes mesmo de conhecê-los, dirá que odeia os seus amigos e que eles não passam de “um bando de homens que só querem comer você”. Estou errado? Ele não fará a mínima questão de socializar com os seus brothers de longa data, mesmo que isso seja muito importante para você. E sempre que você encontrar um amigo no shopping, a primeira coisa que o namorado comum perguntará é: “Você já ficou com ele?”. E ai de você se disser “sim”.

Já o “namoceiro”, ao contrário do namorado comum, fará o possível para se enturmar com os seus amigos e com as pessoas com quem você se importa. Por que ele fará isso? Porque ele sabe o quanto você fica preocupada em arrumar um namorado cujo santo não bate com o santo forte dos seus amigos. E, quando menos esperar, o “namoceiro” ganhará um lugar oficial no time de futebol dos caras e passará a frequentar a casa deles, mesmo quando você não puder ir. Ou não quiser.


3. ELE INCETIVARÁ VOCÊ A ALCANÇAR OS SEUS SONHOS MAIS LOUCOS


Se você, entre uma batata frita e outra, disser ao “namoceiro” que deseja largar a carreira de publicitária para tentar viver de cinema, certamente ouvirá um “Se é isso que quer, conte comigo para chegar lá!”. E ele realmente fará o que puder para que, um dia, quem sabe, você ganhe um Oscar. O que eu quero dizer com “fará o possível”? Ele se vestirá de joaninha e assim atuará em seus curtas, se precisar.

Ele assistirá aos mais enfadonhos filmes iranianos com você, quando pedir. E se você novamente mudar de ideia e resolver ser advogada, ao invés de um “Ficou louca?”, você ganhará um código penal no próximo Natal, junto com um bilhete que dirá “À futura melhor advogada da galáxia”. Sacou? O “namoceiro” fará o possível para ser sua asa e nunca a sua âncora.


4. ELE SABE QUE VOCÊ PRECISA DE MOMENTOS SEM ELE


O “namoceiro” sabe a importância de você ter momentos sem a presença dele. E incentivará você a tê-los. “Por que você não convida a Claudinha para tomar um chope, hein?”, ele dirá, quando perceber que você está se afastando das suas amigas. “Eu ficarei por aqui, vendo UFC”, ele responderá, quando notar que você se sentirá mais à vontade se ele não for. Ele sabe que “ser parceiro” não significa “ser carrapato”. E fará de tudo para não assassinar a sua tão essencial individualidade. Ele estará perto quanto você mais precisar e, quando você só precisar de você – e de nada mais -, ele saberá a hora de se afastar.

Se você tem um “namoceiro”, marque ele aqui no post. Se tem apenas um namorado, azar o seu.

________________

Por: Ricardo Coiro – Via: Superela


Você conhece os tipos de depressão que existem?

Artigo Anterior

Faxina na alma! – (a hora é agora!)

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.