5 características de que você está em um relacionamento escravizador



Relacionamentos escravizadores podem destruir a saúde mental de alguém!

Não deixe que ninguém faça com que você esqueça o seu valor, não deixe ninguém fazer você se sentir mal por ser quem é, e mais importante que tudo: fique atenta aos sinais.

 1. Comportamento incoerente com as palavras

As palavras até convencem por um tempo, mas são as atitudes que são eternizadas, por isso devemos prestar atenção na essência, em quem aquela pessoa é quando não tem plateia. De que adianta dizer eu te amo e não agir como tal? De que adianta ofender o político corrupto e usar a vaga do idoso? Então, se essa pessoa te faz sentir confusa e mal por esperar que as coisas tenham coerência entre o que ela diz e o que ela fala, ela a escraviza de alguma forma.


2. Você está perdendo a noção do seu valor

A pessoa não perde a oportunidade de fazê-la sentir-se inferior às expectativas dela? Está sempre demonstrando que você podia estar mais magra, mais corpulenta, mais feliz, mais comportada e sutilmente faz você se sentir mal com essas expectativas?
Pois bem, está na hora de você olhar no espelho e identificar o que você ama no seu corpo e o que gostaria de mudar. Valorizar aquilo que lhe faz bem e aceitar e trabalhar o que a incomoda. Você, com certeza, encontrará alguém que a ame com todos os seus defeitos e suas qualidades.


3. Os seus sentimentos são vistos como drama ou frescura

Toda essa situação está acabando com suas energias e você não tem forças para mudar! Desabafa, chora ou simplesmente se isola. E ao invés de receber compreensão, paciência e ajuda, você recebe ofensas, gritos, cobrança e até violência? A pessoa afirma que você está com frescura ou com drama? Pois bem! Essa pessoa não respeita você e não está interessada em seu bem-estar, ela apenas lhe cobra melhorias, pois não ficará bem se você não tiver energia para ela sugar. Atente-se e aproxime-se de pessoas que a valorizem.


4. Atitudes erradas seguidas de mentiras, violência finalizada com muita culpa

A pessoa fez tudo o que vocês combinaram que ela não deveria fazer, ela está sempre com histórias mal contadas, você sempre precisa descobrir o que ela faz. Ela nunca a(o) respeita o suficiente para ser transparente com você. Quando você descobre ela se mostra altamente ofendida e através de uma postura violenta e arrogante, faz você se sentir culpado(a) da situação, e se você tentar argumentar, ela grita, ofende, torna-se violenta.  Você ouve que é louca ou paranoica, quando, na verdade, você só precisa sentir que está segura e que pode confiar, mas os fatos não permitem, afinal, a pessoa sempre mente.




5. A atitude da pessoa varia entre: carinho e desprezo.

A pessoa não quer libertá-la, pois ainda precisa de você. Ela não procura dar o amor que você merece, está sempre buscando mais liberdade, mas tempo longe, menos contato, menos doação, não valoriza o tempo que passam juntos e não faz poronde esse tempo acontecer. A pessoa diz que a ama muito, mas sempre que não precisa de você, ela a despreza e a acha carente ou grudenta demais. Cuidado! Afaste-se! Com certeza está em um relacionamento escravizador.

Se você se identificou com essas características ou conhece alguém que passa por isso, procure a ajuda de um profissional.


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: 123rf / imagens






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.