7min. de leitura

5 coisas que um narcisista faz para manipular você:

O Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais cita como uma “característica essencial” do narcisista, uma “falta de empatia que começa na infância e está presente em uma variedade de contextos”. D.



Para os leigos, a palavra “narcisista” é frequentemente usada sem contexto apropriado. Associada ao egoísmo, a definição comum de narcisismo pode se aplicar a praticamente todos os humanos. No entanto, algumas pessoas estão muito mais inclinadas ao comportamento narcisista do que outras.

Talvez não haja outra maneira de entender este equívoco melhor do que o relacionamento de um narcisista com os outros. Essa relação geralmente envolve engano, falta de empatia e exploração deliberada. Esses relacionamentos geralmente são prejudiciais para aquele que investe confiança bem-intencionada, mas equivocada, em uma pessoa que não possui a capacidade de corresponder um investimento emocional.

Como pessoas decentes, é benéfico que possamos identificar e compreender os traços dos narcisistas. Nenhum de nós quer ser exposto e abusado, especialmente por uma pessoa cujas ações e comportamentos preconcebidos são projetados para provocar essas reações.

Temos o máximo direito de proteger-nos daqueles que desejam nos prejudicar, seja o dano intencional ou não.


Com isso em mente, acreditamos que é benéfico apresentar certos cenários que podem acontecer na presença de um potencial narcisista. Uma das coisas pelas quais os narcisistas são bem conhecidos é por se aproveitarem das pessoas. Daí o objetivo deste artigo.

Abaixo estão cinco maneiras através das quais um narcisista pode tentar tirar vantagem de você:

1. Dissonância Cognitiva

É comum que um narcisista mascare sua verdadeira identidade com um falso “eu”. Basicamente, isso é projetado para ser uma espécie de apresentação para o mundo – um ímpeto bem projetado para adquirir atenção e admiração muito necessárias. Não importa que tal atenção e admiração sejam imerecidas.

Infelizmente, esta tática enganosa geralmente funciona. Muitas vezes, as pessoas não conseguem entender completamente a verdadeira natureza de um narcisista –  uma pessoa que não possui empatia e interesse em outros seres humanos. Em vez disso, elas veem alguém encantador, doce e atencioso.


Como resultado, as vítimas de narcisistas, provavelmente, sofrerão uma grande quantidade de dissonância cognitiva. Ela, muitas vezes, tentam racionalizar a pessoa “encantadora, doce e atenciosa” com os comportamentos estranhos e prejudiciais que o narcisista, constantemente, as submete. O resultado final é que as vítimas podem acabar se culpando enquanto negligenciam a verdadeira identidade do narcisista.


2. Triangulação

Os narcisistas,muitas vezes, manipulam emoções através da inserção de outra pessoa no relacionamento. Em essência, isso altera a dinâmica do relacionamento, e é uma tentativa de ambos provocarem ciúmes e manterem o controle.

A triangulação geralmente funciona da seguinte forma: surge outro problema no relacionamento, e o narcisista não se sente obrigado a ajudar a resolver nada. Ao ver uma oportunidade, ele (muitas vezes) manipulará as emoções do outro para que se comuniquem com a “pessoa problemática”, a vítima.

O objetivo? A vítima sentir que deve “competir” por suas afeições. Os narcisistas comumente dizem coisas como: “Eu gostaria que você fosse mais como ele / ela”, “Ele/Ela nunca me trataria assim”. Essas declarações provocam sentimentos de insegurança e incerteza na vítima, muitas vezes deixando-a com dúvida se realmente se encaixa na vida do narcisista.


3. “SHAPE-SHIFTING”

Os narcisistas adoram ter seus egos acariciados, e são bem conhecidos por ter uma “coleção” de pessoas que fazem isso. Eles percebem que – para que as pessoas façam isso – devem manter algum tipo de boa vontade. Para alcançar essa boa vontade, um narcisista geralmente “modificará”, ou incorporará uma nova personalidade para agradar as pessoas e obter o que deseja. Ou seja, admiração constante e acariciamento de seu ego.

Observar essa tendência deve ser um sinal revelador de que a pessoa não é autêntica.


4. “Não sou eu, é você”

Os narcisistas farão qualquer coisa para encobrir o julgamento de outro em seu comportamento anormal. Depois de sujeitar suas vítimas ao abuso – emocional e / ou psicológico, provavelmente – tentarão invalidar e criticar qualquer resistência a suas ações. Frases comuns incluem “Você é muito sensível”, “Você é muito duro” ou “Você está me interpretando mal.”

Os narcisistas se orgulham de serem camaleões emocionais. O objetivo final de um narcisista é evocar uma sensação de autodúvida dentro de suas vítimas, uma vez que esta dúvida pode permitir-lhes mais tempo para infligir a sua vontade.


5. O ciclo de idealização-desvalorização-descarte

O narcisismo engloba visões e comportamentos antissociais. Isso é mais evidente nas relações com parceiros românticos. Em quase todos os casos, o narcisista colocará seu parceiro em um ciclo de idealização, desvalorização e descarte.

A idealização envolve tornar seu parceiro a peça central de sua vida. Durante esta fase, eles serão encantadores e corteses. Vão elogiar e fazer sua vítima pensar que encontrou sua alma gêmea. Em troca, receberão a admiração e atenção que constantemente precisam.

De repente, o narcisista começará a criar sentimentos de “frieza”, enquanto critica sua vítima e, muitas vezes, afasta-se dela. Previsivelmente, o narcisista manipulará as emoções da vítima na tentativa de manter o controle. Este período é, muitas vezes, forjado com abuso emocional e psicológico.

Finalmente, o narcisista acredita que seu trabalho já foi feito e, posteriormente, sai do relacionamento. Mas não antes de degradar e desrespeitar a vítima de maneira terrível, muitas vezes, trocando-a por outra pessoa, humilhando-a na frente dos outros, ou simplesmente ignorando-a por dias.


Traduzido pela equipe de O Segredo  Fonte: Power of Positivity

Referências: Psych CentralPsychology Today

Você sabia que O Segredo está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.