5 comportamentos abusivos que não são físicos, mas incrivelmente perigosos:



Comportamentos abusivos que não são físicos, mas incrivelmente perigosos:

O abuso nem sempre o deixa coberto de hematomas físicos. Existem muitas formas diferentes de abuso que podem te deixar com cicatrizes emocionais.

O abuso emocional e psicológico pode fazer com que uma pessoa perca seu senso de si mesmo e se torne completamente dependente de seu agressor. Pode levar anos para uma pessoa perceber que está sendo abusada, ​​quando o abusador a manipula usando formas não físicas de abuso.

Abaixo estão cinco comportamentos abusivos que não são físicos, mas incrivelmente perigosos:

1. Gaslighting

Gaslighting é uma tática psicológica usada por manipuladores e abusadores em que um parceiro faz com que o outro questione o que é real e o que não é. O agressor diz à vítima que está mentindo, exagerando, sendo muito sensível ou paranoica, para fazê-la questionar sua percepção da realidade. Depois de um tempo, a vítima começa a duvidar de sua própria sanidade e questiona sua lembrança de certos eventos que ocorreram. Uma vez que o agressor tem controle total sobre o senso de realidade da vítima, ele pode manipulá-la para fazer quase qualquer coisa.


2. Ultrapassar limites

Um abusador pode começar com essa tática devagar. Ele pode aparecer com flores, sem aviso prévio. Então, começa a aparecer em seu trabalho ou em um programa seu e de seus amigos sem nenhum motivo. Em breve, ele aparecerá em todos os lugares que você vai. Ele sabe com quem você está e o que está fazendo em todos os momentos. Ele ultrapassa seus limites até o ponto em que você começa a se sentir nervoso e até mesmo violado. Se o seu parceiro não pode respeitar seus limites, ele não o respeita e nem confia em você, e pode até ter uma agenda oculta.


3. Insultos

Você pode ignorar alguns insultos aqui ou ali. Mas um abusador usa essa forma de agressão para destruir sua autoestima, para que dessa forma você se torne dependente dele. Em breve, cada palavra que ele disser irá machucá-lo, fará piada com seus sonhos e fazer você se sentir estúpido e indigno. Os insultos podem vir na forma de elogios retribuídos, críticas construtivas ou mesmo humor. Mas não se engane, as palavras do seu parceiro são projetadas para destruí-lo.




4. Isolamento

Um abusador sabe que, se puder isolá-lo com sucesso de sua família e amigos, terá todo o controle. Ele vai tentar separá-lo da sua rede de apoio, brigando com aqueles que você ama, te fazendo sentir culpa por passar mais tempo com seus amigos ou atacar o caráter daqueles queridos para você. Uma vez que você se sentir sozinho, vai buscar em seu parceiro amizade, amor e orientação, o que lhe permitirá envolver seus pontos de vista da realidade, atacar sua autoestima e usá-lo. Se parecer que seu parceiro está tentando separá-lo de sua família e amigos, preste atenção àqueles que você ama. Não deixe seu parceiro separá-lo das pessoas mais importantes em sua vida.


5. Fazer-se de vítima

Outra tática que um abusador usa para ganhar controle é sempre bancar a vítima. Não importa qual seja a situação, ele se recusa a admitir qualquer culpa. Em vez disso, distorce suas palavras para atribuir a culpa a você. Uma vez que o manipula a pensar que não é um bom parceiro e não o merece, você acabará constantemente se sentindo culpado e por tudo o que acontece de errado no relacionamento.

_______

Traduzido pela equipe de O Segredo  Fonte: David Wolfe






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.