5 dicas para se livrar da dependência emocional



Dependência emocional: se você se sente preso ao seu relacionamento, algo errado está acontecendo!

Muitas pessoas almejam um relacionamento duradouro e típico de cinema, porém, ao passo que se envolvem, embrenham-se em uma teia pegajosa e grudenta, difícil de se desvencilhar!

É possível eliminarmos as dependências emocionais e é fundamental termos a consciência de que a pessoa que está ao nosso lado não é e nem deve ser a nossa vida.

Por isso deixo aqui 4 dicas para que você possa se livrar dessas amarras emocionais:

1. Há algo errado

Se você sente que a sua “fonte da juventude” é o seu parceiro (a), de fato há alguma coisa errada! Reconhecer isso já é um grande passo! Você pode respirar sem a outra pessoa e pode principalmente ser dono (a) e autônomo da sua vida! A sua felicidade não pode estar pautada apenas no outro.


2. Liste aquilo que o prejudica

Faça uma lista das coisas que você já chegou a fazer pela outra pessoa e uma lista de coisas que muitas vezes você deixou de fazer por você, para apenas priorizar a vontade do outro, e que lhe fizeram mal. É preciso compreender que a pessoa dependente acaba muitas vezes não se importando com o seu bem-estar.


3. Construa uma relação consigo

Ter um relacionamento consigo mesmo é primordial! Antes de construir uma relação com uma segunda pessoa, precisamos ter um relacionamento saudável conosco, onde compreendemos os nossos desejos, os nossos sonhos, as nossas vontades, saber de que estamos ou não dispostos a abrir mão. É ótimo estarmos com outras pessoas, mas às vezes precisamos ficar apenas com nós mesmos.


4. Melhore sua autoestima

Ponto fundamental em nossa vida, um dos fatores da grande dependência é a baixa autoestima. É preciso investir nesse quesito. Ter um tempo de qualidade com você, investir naquilo que lhe dá prazer pode ser uma saída, além da busca por profissionais especializados, como os psicólogos, por exemplo.



Nossas relações precisam ser construtoras e não nos transformar em reféns. Precisamos manter a nossa individualidade, ainda que estejamos romanticamente envolvidos com outra pessoa.


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: 123RF/shadow7777






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.