5 exercícios que ajudarão você a acalmar o sentimento de ansiedade!

A ansiedade pode ser muito desgastante, mas esses simples exercícios ajudarão você a acalmar-se e recuperar o autocontrole.



A ansiedade é uma reação humana típica do estresse. Em algum momento da vida, todos nós a experimentamos, mas para aqueles que precisam conviver com a ansiedade todos os dias, algumas situações podem ser verdadeiras batalhas, que demandam tempo e desgaste físico e emocional para serem vencidas.

É muito mais complicado construir uma vida saudável e feliz quando a ansiedade é constantemente ativada em nossas vidas, até mesmo pelas situações mais simples. Se você vive essa realidade e sente-se dominado pela ansiedade a todo momento, sabe o quanto é difícil manter o controle sobre a própria mente e corpo.

É muito importante para as pessoas que sofrem de ansiedade obterem acompanhamento com um profissional de saúde adequado para que possam encontrar as melhores maneiras de lidar com as próprias crises.


Além disso, existem alguns exercícios contra a ansiedade que podem ajudar a encontrar alívio e relaxamento no meio de uma crise. Esses exercícios lidam com respostas do corpo ao estresse e promovem melhora significativa.

Abaixo listamos cinco deles, que foram recomendados pelo dr. Timothy Legg, psicólogo, em um artigo da Healthline. Confira-os!

1. Respiração consciente

Durante uma crise de ansiedade, é comum que a frequência cardíaca e a respiração acelerem, e também podemos suar intensamente e sentir tonturas ou vertigens. Nesse cenário, manter a respiração sob controle pode relaxar o corpo e a mente e ajudar a pessoa a, aos poucos, recuperar o controle da situação.


Estas são as etapas recomendadas no artigo para controlar a própria respiração:

  • Sente-se em um lugar tranquilo e confortável, e coloque uma das mãos no peito e a outra na barriga. O ideal é que seu estômago se mova mais do que seu peito, quando você respirar profundamente.
  • Inspire lenta e regularmente pelo nariz. Observe e sinta suas mãos no processo. A mão que está no peito deve permanecer parada, enquanto a outra se move ligeiramente.
  • Expire pela boca lentamente.
  • Repita esse processo pelo menos 10 vezes ou até começar a sentir sua ansiedade diminuir.

2. Visualização

Criar uma imagem mental de um lugar que o faça sentir-se relaxado e em paz também pode ajudar a acalmar o cérebro e o corpo durante uma crise. Quando você estiver em um desses momentos, imagine um lugar ideal para relaxar, ele deve trazer-lhe a sensação de alegria e segurança, e também deve ser fácil de imaginar, para que possa “voltar para ele” quando estiver enfrentando outra crise.

Detalhe bem esse lugar, seu cheiro, som, cores, e visualize-se nele, desfrutando da melhor maneira possível. Depois disso, feche os olhos e respire lenta e regularmente pelo nariz e pela boca. Concentre-se em sua respiração até sentir a ansiedade acalmar-se.


3. Relaxe seus músculos

Os nossos músculos tendem a ficar tensos quando estamos experimentando ansiedade intensa. Concentrar-se em relaxá-los e aliviar o estresse nessa área do corpo pode acalmar os níveis de ansiedade. Para fazer isso, siga os passos abaixo:

  • Sente-se em um lugar confortável, feche os olhos e concentre-se na respiração, que deve ser feita pelo nariz e pela boca.
  • Use sua mão para fechar o punho; aperte-o com força.
  • Segure o punho cerrado por alguns segundos e observe toda a tensão que você sente em sua mão.
  • Abra lentamente os dedos e perceba o que acontecerá. Você pode notar uma sensação de tensão sendo liberada, até que sua mão fique mais leve e relaxada.
  • Faça o mesmo com outros músculos do corpo.

4. Conte

Para muitas pessoas, a prática de contar é ótima para aliviar a ansiedade. Quando você sentir a ansiedade chegando, experimente esse exercício. Primeiro, encontre um lugar onde você sinta-se tranquilo e feche os olhos, contando lentamente até 10. Repita o processo e aumente a contagem até que sua ansiedade comece a diminuir.

O exercício de contar dá-lhe algo para se concentrar, o que ajuda a tirar o foco da ansiedade. É uma ótima ferramenta para usar quando estiver em um espaço lotado ou movimentado, onde outros exercícios seriam mais complicados.


5. Mantenha-se no momento presente

A prática de atenção plena também é uma grande aliada para calmar a ansiedade. Ela consiste em concentrar-se no momento presente, com calma e sem julgamento, abandonando todos os pensamentos que o prendem ao passado ou futuro. Essa prática pode ajudá-lo a criar um estado de calma, quando sentir que seus pensamentos estão acelerados e a ansiedade aumentando.

Para praticar a atenção plena e concentrar-se no presente:

  • Encontre um lugar tranquilo e confortável para sentar-se e fechar os olhos.
  • Esteja atento à sua respiração e ao seu corpo.
  • Depois, mude o seu foco para as sensações que você observa ao seu redor. Pergunte a si mesmo: “O que está acontecendo fora do meu corpo?” e observe o que você ouve, cheira e sente em seu ambiente.
  • Mude sua consciência várias vezes do corpo para o ambiente, e vice-versa, até que a ansiedade comece a desaparecer.

Conviver com a ansiedade não é fácil, mas determinadas atitudes podem ajudar você a manter-se controlado.

No entanto, é importante lembrar: nenhum desses exercícios substitui o acompanhamento médico. Se suas crises estiverem intensas e frequentes, é fundamental procurar ajuda especializada.

Compartilhe as dicas com seus amigos nas redes sociais!

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.