4min. de leitura

5 maneiras de liberar o julgamento e a crítica sobre os outros:

Você já conseguiu liberar totalmente o julgamento e a crítica sobre outros? Ou, em vez disso, você ainda se sente irritado ou incomodado pelas ações e comportamentos daqueles ao seu redor?


Se você está no caminho de se libertar de críticas e julgamentos, abaixo estão algumas dicas.

1.Concentre-se no chakra do coração

Quando você ficar irritado com os outros, tome um momento para se concentrar na energia em seu coração, que é o centro de energia do amor do corpo. Um simples redirecionamento de foco pode ajudá-lo a impulsionar sentimentos de amor sobre o julgamento.


2.Aja como “advogado do diabo”

Muitas vezes, atribuímos significado negativo às ações de outra pessoa. Decidimos que o comportamento de alguém se baseia em sua estreiteza mental, seu ódio ou sua inadequação.

Agir como advogado do diabo pode mudar isso.


Para tentar essa estratégia, procure uma desculpa mais “positiva” para o comportamento “negativo” de alguém. Por exemplo, se alguém o corta no trânsito, você pode imaginar uma lista de possíveis razões aceitáveis ​​para seu comportamento. Talvez seja porque a pessoa estava atrasada para o trabalho, ou porque ela está doente e se sentindo mal. Talvez tenha sido porque seus filhos a estavam distraindo.

Quando agimos como advogado do diabo, olhamos para os outros como seres humanos que estão fazendo o seu melhor na vida, assim como nós.



3.Encontre um terreno comum

Quando julgamos os outros, estamos concentrados no que nos torna diferentes, ao invés do que nos une. Encontrar um terreno comum pode ser uma maneira fácil de perceber as semelhanças.

Você compartilha muitas características com os outros, e quando percebe essas semelhanças, se sente naturalmente mais ligado aos outros. Portanto, lembre-se de que você é humano, assim como as pessoas ao seu redor. Ambos têm sentimentos e querem o melhor da vida. Lembre-se de que ambos cometem erros e ambos fazem coisas boas no mundo. Foque no que os une, ao invés do que os separa.


4.Pergunte a si mesmo: o que essa pessoa tem para me ensinar?

Embora possamos estar ascendendo em estados mais elevados de consciência, cada pessoa que encontramos tem algo a nos ensinar. Cada pessoa que encontramos de fato tem um nível de consciência maior do que o nosso, em alguma capacidade. Procurar o que podemos aprender com os outros é um ato “humilhante” que nos lembra que ninguém é melhor, mais evoluído ou mais importante do que qualquer outro.


4.Adote uma perspectiva mais ampla

Às vezes, ajuda simplesmente sair dos detalhes da situação e olhar para a interação de uma perspectiva mais global.

Em momentos de julgamento, faça uma pausa e se pergunte: O que eu quero que essa vida signifique para mim no final? Eu quero ser alguém que amava ou alguém que odiava? Eu quero ser alguém que julgava ou que procurava entender?

Às vezes, apenas olhar o quadro maior pode nos ajudar a ver as situações e as pessoas com mais amor.

Você tem outras estratégias para liberar julgamento e crítica? Se sim, comente abaixo e compartilhe!

____

Traduzido pela equipe de O Segredo – Fonte: Raise Your Vibration Today





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.