ColunistasComportamentoO Segredo

5 razões para se ser corajoso

1. “A coisa mais importante é ser quem tu és, sem vergonha.” Rod Steiger



O primeiro passo é descobrir quem somos e o segundo é amar e expressar com a maior entrega possível essa verdade.

Não é fácil ser autêntico num mundo que quer dominar e oprimir a individualidade, num mundo que impõe valores e modos de vida que não são os mais adequados e num mundo cheio de pessoas que não sabem honrar quem são e por isso optam por competir, julgar e querer “abater” o outro, porque o outro mostra que há outras verdades, outras ideias e realidades.

O trabalho de ser autêntico é um trabalho diário e torna-se mais fácil quanto mais nos honrarmos, nos amarmos e nos conhecermos, pois à medida que vamos sabendo quem somos, vamos solidificando em nós a nossa verdade e perdendo a necessidade de que os outros a validem.



2. “O medo é teu amigo. O medo é um indicador. Às vezes mostra o que tu não deves fazer, mas mais frequentemente mostra-te exatamente o que deves fazer.” Tim Ferriss

É mais recorrente achar que quando há medo é sinal de perigo e na realidade quando há medo é sinal de desafio. Mas, o desafio é tão grande e tão importante que nos assusta e nos causa medo, porque ao passar por ele nós vamos deixar de ser a mesma pessoa.

Normalmente, este medo do desafio é acompanhado de um diálogo mental perturbador: «E se a pessoa não gostar de mim?», «E se correr mal?», «E se eu não conseguir?», e quando nos deixamos dominar por este lado racional e questionador mais damos energia ao medo.


É importante estar atento ao modo como nos posicionamos perante o que temos medo. Perante a situação os nossos olhos brilham, o corpo expande e é um misto de desejo, alegria e de pensamentos de medo? Então é um desafio.


3. “A coragem é a maior de todas as virtudes, porque se tu não tens coragem, podes não ter a oportunidade de usar qualquer uma das outras. ” Samuel Johnson

É ótimo ser solidário, generoso, amoroso, comunicativo e divertido, mas de que nos vale isso se tivermos medo de falar com estranhos? Se tivermos medo de nos mostrarmos? Nada.


Não podemos fazer muito sem a coragem, por isso aumenta-a fazendo aquilo de que tens medo.


4. “Liberdade é quando não há nenhuma diferença entre o que eu quero fazer e o que eu estou disposto a fazer ” Lachlan Cotter

Quase todas as barreiras que temos são auto impostas por nós. Tenho presenciado que o discurso mais utilizado é os outros ou as situações.


Este discurso torna-se repetitivo e às vezes nem abre espaço para a ação. Há algo que é dos outros, mas existe uma parte da responsabilidade que é nossa e que não é assumida porque não estamos dispostos a fazer por isso.

Recentemente, quando em conjunto com uma pessoa encontrámos uma possível solução para o seu problema, a pessoa disse «faço isso amanhã porque hoje estou cansado», mesmo quando era uma solução que o podia libertar da situação que o cansa.

É preciso agir e abdicar de ser escravo do medo, pois só quando estivermos dispostos a fazer tudo o que queremos para ser é que finalmente seremos.



5. “Se nós estamos a crescer, vamos estar sempre fora da nossa zona de conforto. ” John Maxwell

A grande armadilha é pensarmos que primeiro temos que ganhar confiança e coragem para conseguir dar o salto, quando na verdade a confiança e a coragem são consequências do próprio salto.

Dentro da zona de conforto não há expansão e progresso, mas basta um pequeno passo para criarmos a confiança e coragem necessária para todos os outros passos que precisamos dar.

O segredo não é nos focarmos em ganhar confiança e coragem, mas sim em tomar pequenas ações em direção ao medo e que nos permitam irradiar a confiança e a coragem que procuramos.


 

___

Clarisse Cunhaperfil

Curiosa, questionadora e irrequieta levanta-se todos os dias a pensar no que vai partilhar.


Comunicar com os outros tornou-se na porta de acesso à sua essência. Além de colaborar com O Segredo podes deixar-te inspirar pelas suas palavras no seu site (clarissecunha.com) e instagram (@cunhaclarisse).

4 sinais de que é hora de romper uma amizade

Artigo Anterior

6 sinais de que você está discutindo com um psicopata

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.