6 dicas para dormir melhor, mesmo nos dias mais estressantes!

A seguir, listamos algumas dicas supersimples, mas bastante eficazes, que ajudam qualquer pessoa a dormir melhor. Confira-as!



Com o mundo cada vez mais globalizado, a nossa rotina também tem se tornado cada vez mais corrida. Passamos mais tempo fora do que dentro de casa, dedicando-nos ao trabalho, a reuniões, à faculdade, cursos.

E em meio a tantas tarefas e metas a cumprir, surge um vilão que é temido, mas também muito conhecido por todos: o estresse. O estresse é uma consequência da sobrecarga do nosso corpo e da nossa mente diante de tantos compromissos, da falta de tempo e das nossas preocupações. Por sua vez, esse mal causa uma série de reações em nosso organismo e no nosso comportamento.

Ficamos mais irritados, impacientes e, em longo prazo, acabamos desenvolvendo até doenças graves, como a depressão. Mas um dos sintomas mais comuns é a perda de sono, que é justamente um dos hábitos mais benéficos para a saúde de todos nós.


Dormir mal pode diminuir as defesas do nosso sistema imunológico e, consequentemente, deixar-nos mais vulneráveis a doenças. Mas a boa notícia é que, adotando alguns hábitos simples, mas eficazes, cada um pode melhorar a qualidade do seu sono.

A seguir, confira algumas dicas valiosas para ajudar a descansar e ter uma boa noite de sono depois de um dia estressante da rotina.

1. Desconecte-se das tecnologias

Estamos cada vez mais dependentes do celular. Através dele, temos acessos a notícias, enviamos e-mails, organizamos o nosso dia de trabalho mas, até quando não há necessidade, estamos com ele na mão, trocando mensagens e acessando redes sociais.


Uma dessas ocasiões, em que esse companheiro fiel é dispensável, é na hora de dormir. Evite usar o celular enquanto estiver na cama, por exemplo. O mesmo vale para televisores, evite ficar vendo filmes ou série até a hora de dormir.


2. Evite se sobrecarregar com más notícias antes de dormir

A hora de dormir é para relaxar e não para ficar ainda mais tenso, recebendo más notícias através de telejornais ou pela internet. Dê preferência para bons livros, notícias construtivas, porque ser bombardeado com notícias sobre guerras, mortes, pandemia pode aumentar a sua ansiedade.


3. Faça exercícios regularmente

Além dos inúmeros benefícios para o corpo, os exercícios físicos também nos ajudam a querer dormir. A lógica é simples: quanto mais esforçamos nosso corpo, mais nos cansamos e sentimos a necessidade de dormir. Faça uma atividade física, seja ela qual for, pois sem dúvida você terá mais propensão ao sono. Pedalar ou correr, por exemplo, são duas ótimas opções.


4. Não durma muito durante o dia

Aquele cochilo após o almoço pode ser uma armadilha para quem já sofre de insônia durante a noite, isso porque essas sonecas acabam com o sono que poderia ser aproveitado após todos os afazeres da rotina, que é quando nosso corpo está mais cansado.


5. Crie uma rotina de sono

Criar rotinas com pequenas metas e horários a cumprir, durante o dia, é um excelente aliado no cumprimento de afazeres no trabalho, por exemplo, mas também é fundamental para o seu sono. Estabeleça um horário para você dormir todos os dias. Com o tempo, o seu corpo se adapta e dormir pode se tornar ainda mais fácil.


6. Evite bebidas alcoólicas em excesso 

O álcool é um veneno para o estresse e a ansiedade, algumas pessoas podem até se sentir relaxadas ao consumi-lo em excesso, mas isso é uma ilusão. O sono, após longas horas de bebedeira, não favorece o relaxamento, e sim sobrecarrega o organismo. Quem acorda de ressaca, por exemplo, sente-se fraco pelo resto do dia, ou seja, o seu sono não foi reparador, apenas tensionou ainda mais o seu organismo.

Você já teve ou conhece pessoas que sofrem de insônia?

Diga-nos nos comentários e compartilhe essas dicas poderosas com elas, que poderão dormir melhor, se adotarem esses hábitos.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.