6min. de leitura

6 maneiras comprovadas de que a ioga pode ajudar mulheres durante a menopausa

O número de mulheres que praticam ioga após os 50 anos está em constante ascensão, porque elas estão percebendo que a ioga é a maneira perfeita de reduzir e, muitas vezes eliminar os desconfortos associados com a menopausa e envelhecimento.



Como as mulheres experimentam flutuações emocionais e físicas ao longo de suas vidas, sendo parte do processo natural de envelhecimento, a ioga pode servir como uma ferramenta útil para ajudar a regular os hormônios. As alterações hormonais que experimentamos na menopausa são os mesmos hormônios que nos afetam durante a menstruação, o que também pode causar os sintomas da TPM.

Pose Fácil (sukhasana) é a pose perfeita para ajudar a estabilizar a flutuação de hormônios. Sente-se de pernas cruzadas em seu tapete com os olhos fechados e faça três respirações profundas. Permita que sua mente descanse enquanto você reconhece os pensamentos que passam por sua mente. Atente-se para a respiração, relaxe e deixe a pose trabalhar, é mágico.

Ainda não está convencido? Aqui estão sete grandes razões pelas quais a ioga pode ajudar a facilitar a transição da menopausa para as mulheres:


1. Ela reduz o estresse

Ioga controla a respiração, que por sua vez reduz a ansiedade. Ela também limpa todos os sentimentos e pensamentos negativos da mente, nos levando a um estado mais feliz.

É também um método altamente eficaz para reduzir e controlar a raiva. Ao praticar ioga regularmente, seu sentimento geral de calma vai aumentar e, como resultado, uma vida mais feliz e livre de estresse pode ser conduzida.


2. A dor física e desconforto são aliviados

Praticantes de Ioga possuem maior tolerância à dor. Dores associadas com a menopausa como dores nas costas e pescoço, e dor crônica em geral, podem ser aliviadas com uma prática de Ioga suave e regular.


Saudações ao Sol (Surya Namaskar) ajuda a aumentar a flexibilidade nas articulações e trabalha todos os músculos do corpo, um trabalho físico e emocional completo.


3. A pressão sanguínea é reduzida

Um sintoma comum durante a menopausa são suores noturnos. A prática regular de Ioga reduz a pressão arterial e promove a oxigenação e a circulação sanguínea no corpo. Esta, por sua vez, pode ajudar a aliviar esses suores noturnos terríveis.

Savasana é uma pose ideal para se permitir relaxar e trazer sua atenção exclusivamente para a sua respiração. Ao nos focarmos longe do stress e tensões do mundo exterior, somos mais capazes de nos concentrarmos no que está acontecendo no momento.


4. É um remédio natural

Ioga é uma forma fantástica e natural para ajudar a aliviar a dor associada com o ciclo menstrual. Muitas mulheres sofrem em silêncio ou tomam pílulas intermináveis ​​para reduzir a dor, mas a ioga pode ajudar a aliviar os sintomas sem ter que sofrer. Ela ajuda a levá-la a um lugar mais calmo emocionalmente e fisicamente.


5. É ainda melhor quando combinada com aromaterapia

Ioga e aromaterapia têm benefícios físicos, mentais e espirituais para o praticante e, portanto, torna-se lógico usar aromaterapia quando praticando ioga.

Não apenas os seus sentidos ficam encantados com os belos aromas durante a prática, o foco e os efeitos de sua prática são intensificados pelo uso terapêutico das misturas de óleos essenciais.

Os benefícios de cura dos óleos de aromaterapia incluem a liberação de emoções velhas ou negativas, experimentando uma desintoxicação, acalmando os músculos tensos, ajudando a equilibrar as flutuações hormonais, e até mesmo ajudando a realinhar os chakras.


6. É ótima para as articulações

Tem sido comprovado que a Ioga ajuda pessoas que sofrem de problemas associados com articulações, como a artrite. Embora nem todas as mulheres na menopausa tenham artrite, é um problema de saúde muitas vezes associado ao envelhecimento.

Uma pesquisa publicada no Journal of Evidence-Based Complementary and Alternative Medicine, mostrou que a prática de ioga pode ajudar a aliviar a dor nas articulações, fadiga e outros sintomas relacionados. O pequeno estudo envolveu mulheres com idade entre 21 e 25 anos, que sofriam de artrite reumatoide por cerca de 10 anos. Depois de seis semanas, o grupo que praticou ioga disse que se sentiu mais feliz e capaz de aceitar e gerir sua dor. As mulheres também relataram melhor saúde e energia de forma geral.

 

___

Traduzido pela equipe de O Segredo

Fonte: Mind Body Green

Você sabia que O Segredo está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.