6 sinais de transtorno afetivo bipolar:

3min. de leitura

O transtorno afetivo bipolar é caracterizado por uma mudança frequente nos estados de ânimo de uma pessoa.

As pessoas que sofrem desse transtorno vivem em picos, e a todo momento transitam entre sentimentos constantes e extremos de estresse e depressão, e energia e euforia. A condição pode dificultar a vida cotidiana, mas ainda é possível ser bem-sucedido com ela.



Abaixo estão sete sinais que mostram que alguém sofre de transtorno afetivo bipolar:

1. Inúmeras mudanças de assunto durante uma conversa

Quando a pessoa está em um estágio avançado do transtorno, constantemente inventa novas ideias e processa informações. Isso faz com que seja normal a abordagem de vários tópicos durante uma única conversa. Esse hábito prejudica a manutenção de um diálogo saudável, porque nenhum assunto é concluído com naturalidade.


2. Comportamento hiperativo

O transtorno bipolar pode chegar a um estado maníaco, e durante esse estado, a pessoa se torna hiperativa. Isso a torna mais propensa a agir por impulsividade e manifestar comportamentos relacionados à hiperatividade, como dificuldade em concluir projetos, fácil distração, inquietude e mudanças de humor.


3. Autoimagem positiva exagerada

No estágio maníaco do transtorno bipolar, a pessoa pode experimentar picos de energia e euforia. Como consequência, ela se sente invencível ou extremamente poderosa, o que pode ser visto como egocentrismo e exagero de autoimagem.



4. Estado de espírito inconstante

O transtorno bipolar é caracterizado por um ciclo constante de momentos bons e ruins. Sendo assim, a pessoa que sofre dessa condição experimenta períodos constantes de alegria e, em seguida, de desânimo. O ciclo continua.


5. Hábitos de gastos excessivos

As pessoas que sofrem desse transtorno, quando invadidas pela euforia, tendem a se comportar irracionalmente. Isso pode se refletir em gastar dinheiro de forma excessiva, muitas vezes com coisas que não são realmente úteis.


6. Comportamento agressivo

As pessoas que sofrem de transtorno bipolar podem ficar bravas ​​e agressivas quando são contrariadas ou criticadas. Por conta disso, muitas vezes, brigam com seus entes queridos ou estranhos, até mesmo através de violência física.


Se você conhece alguém que sofre dessa condição, converse com a pessoa e a ajude a encontrar o tratamento adequado. Sempre podemos fazer nossa parte para aliviar o peso da carga de outra pessoa!

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.