AlimentaçãoBem-Estar e Saúde

7 alimentos que combatem a inflamação e te ajudam a perder peso:

7 alimentos que combatem

Embora a palavra “inflamação”, geralmente tenha uma conotação negativa, a verdade é que muitas vezes é a forma que nosso corpo encontra para nos proteger de um dano maior.



Quando o corpo fica doente ou ferido, o nosso sistema imunitário começa a trabalhar, trazendo reforços sob a forma de células brancas do sangue. Estes glóbulos brancos extras viajam para a área doente ou ferida para aumentar o fluxo de sangue, o que pode causar inchaço, calor, vermelhidão e até mesmo dor.

Então, por que a inflamação tem uma má reputação?

Num organismo saudável, a inflamação é uma resposta imune normal que auxilia no processo de cura, mas também é possível que o sistema imunitário reaja e ataque as células saudáveis . Este é o caso daqueles que sofrem de artrite, fibromialgia, doença celíaca e síndrome do intestino irritável. A inflamação também tem sido conhecida por agravar outras doenças.


A boa notícia é que você pode ajudar seu corpo a combater a inflamação com apenas alguns ajustes em sua dieta. Fique longe de alimentos altamente processados , em vez disso, encha sua dieta com frutas frescas, vegetais e alimentos ricos em ômega-3, que podem ajudar a reduzir a inflamação, dando a seu corpo os minerais, antioxidantes e ácidos graxos essenciais para regular o sistema imunológico e mantê-lo saudável.

Adicionar estes sete alimentos anti-inflamatórios em sua dieta pode ajudar a reparar o seu corpo naturalmente e manter a inflamação longe:

1.Abacaxi

7-alimentos-que-combatem2


O abacaxi contém uma enzima digestiva conhecida como bromelina, e foi provado que a bromelina luta contra a coagulação do sangue e reduz a inflamação. A bromelina ajuda a regular a resposta imunitária, impedindo que a inflamação ocorra, a menos que seja absolutamente necessária.


2.Beterraba

A beterraba é rica em antioxidantes que ajudam a reparar danos celulares causados pela inflamação. O antioxidante conhecido como betalain dá à beterraba a sua cor vibrante, e é um conhecido anti-inflamatório. A beterraba também contém magnésio, que é muitas vezes escasso naqueles com condições inflamatórias.



3.Peixe gordo

7-alimentos-que-combatem3

Os peixes gordos, como o salmão, são cheios de ácidos graxos essenciais, incluindo o ômega-3, conhecido por combater a inflamação. Uma pesquisa demonstrou que os ácidos gordos no ômega-3 têm um papel importante na redução do risco de doenças crônicas, prevenindo a inflamação desnecessária. No entanto, certifique-se de comprar salmão selvagem, fique longe dos criados.



4.Folhas verdes e escuras

Vegetais de folhas verdes tendem a ser ricos em vitaminas e minerais, incluindo cálcio, ferro e fitoquímicos que ajudam na luta contra doenças. A fibra nas folhas verdes também ajuda a regular o corpo e reduzir a inflamação. Se você tem dificuldade em comer folhas verdes, tente colocá-las em um smoothie!



5.Cúrcuma

7-alimentos-que-combatem4

O componente anti-inflamatório ativo na cúrcuma é conhecido como a curcumina. Estudos têm mostrado que a curcumina é muito mais eficaz do que muitas drogas anti-inflamatórias, incluindo aspirina e ibuprofeno, provando que uma abordagem natural para o combate a inflamação pode ser muito mais benéfico.



6.Mirtilo

Os mirtilos contêm um antioxidante forte conhecido como quercetina. A quercetina é um flavonoide que combate a inflamação enquanto protege o corpo contra o stress oxidativo.


7.Chá Verde


7-alimentos-que-combatem5

O chá verde tem excelentes propriedades anti-inflamatórias, graças aos antioxidantes surpreendentes que contém. Uma das substâncias mais potentes no chá verde é um polifenol conhecido como epigalocatequina galato ou EGCG. EGCG foi estudado pelo seu papel na proteção contra os danos celulares, bloqueando os radicais livres e reduzindo o excesso de produção de substâncias inflamatórias no corpo.


* Nota: As informações e sugestões contidas neste artigo têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.


___

Traduzido pela equipe de O SegredoFonte: David Wolfe

10 fatos pouco conhecidos sobre os canhotos:

Artigo Anterior

25 coisas tóxicas para abandonar aos 25 anos:

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.