4min. de leitura

8 coisas que pessoas emocionalmente inteligentes evitam:

Pessoas com alta inteligência emocional são capazes de perceber, controlar e avaliar suas emoções, juntamente com as emoções dos outros.Há comportamentos diversos que essas pessoas inteligentes emocionalmente não têm.


A inteligência emocional pode desempenhar um papel importante no sucesso de uma pessoa e nas relações sociais.

Há muito debate sobre se a inteligência emocional é um dom inato ou pode ser ensinada. Envolve estar em contato com suas emoções e manter o controle sobre elas em todos os momentos.

Aqui estão oito coisas que as pessoas emocionalmente inteligentes evitam:


1. Ignorar os sentimentos de outras pessoas

Pessoas emocionalmente inteligentes mostram empatia para com os outros. Elas tentam entender como as pessoas ao seu redor estão se sentindo. Elas nunca ignoram as emoções de outra pessoa. Em vez disso, mostram compaixão.


2. Fazer papel de vítima

As pessoas emocionalmente inteligentes sabem que têm o poder de controlar como se sentem. Elas não culpam os outros quando têm um dia ruim, e não fazem o papel de vítima. Em vez disso, redirecionam suas emoções negativas para pensamentos mais produtivos, e assumem total responsabilidade por como se sentem.



3. Ser complacentes

Uma pessoa emocionalmente inteligente permanece em contato com seus sentimentos, mas também sabe quando se concentrar no mundo ao seu redor. Está ciente de que viver constantemente dentro de sua cabeça pode criar problemas. Ela permanecem em contato com suas emoções, mas não permite que elas assumam o controle.


4. Deixar os outros controlarem suas emoções

As pessoas com inteligência emocional são sensíveis, mas mantêm o controle de seus sentimentos. Elas não deixam os outros arruinarem seu dia. Gostam de manter uma atitude positiva e são capazes de se afastar da rejeição e outras formas de negatividade.


5. Serem envolvidos em conflitos desnecessários

Saber quando escolher suas batalhas pode ser extremamente valioso quando se trata de sua saúde emocional. Se necessário, uma pessoa emocionalmente inteligente vai confrontar alguém, mas evita o conflito sempre que possível, a fim de economizar sua energia para interações mais positivas.


6. Fazer fofocas

Uma pessoa emocionalmente inteligente sabe quão nociva a fofoca pode ser. Ela tende a procurar conversas mais positivas e edificantes. Anseia conexões profundas com as pessoas e evita aqueles que querem constantemente fofocar ou ser mesquinhos.


7.Ter medo de dizer não

Muitas pessoas sentem vergonha de dizer não. Elas acabam ficando sobrecarregadas com muitos compromissos e se tornam infelizes. Uma pessoa emocionalmente inteligente conhece seus limites. Ela se honra estabelecendo limites e tendo a coragem de dizer não quando necessário.


8. Buscar a aprovação de outros

As pessoas emocionalmente inteligentes sabem que não precisam da aprovação dos outros para tomarem uma decisão. Elas confiam em si mesmas o suficiente para serem sua própria validação. Se querem algo, vão atrás. Elas são respeitosas ao ouvir as opiniões de outras pessoas, mas no final sabem que, enquanto trabalharem duro, podem conseguir qualquer coisa, e não precisam da aprovação de ninguém para fazê-lo.

____

Traduzido pela equipe de O Segredo – Fonte: David Wolfe





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.