ComportamentoO SegredoVida

9 verdades que descobri aos quarenta anos

Eu sempre gostei de me tornar um ano mais velho. Mas este aniversário – o meu quadragésimo – parece um pouco maior do que o resto.



A vida é uma corrida. Eu continuo trabalhando, deixando as coisas ruins irem e abraçando a confusão. Refletindo sobre os últimos quarenta anos, meus vinte anos parecem quase uma vida completamente diferente, meus trinta anos proporcionaram uma enorme quantidade de crescimento e aprendizagem, e estou animado para ver o que o futuro reserva.

Aqui estão 10 lições que eu aprendi ao longo dos anos – que elas possam ser úteis para você de alguma maneira grande ou pequena, não importa sua idade.
Você sempre tem uma escolha sobre como vê o mundo.


1. A vida é dura

Mas não importa o quão dura ela fica, não deixe que ela te endureça.


2. A vida nem sempre pode parecer justa, mas você sempre precisa fazer o seu melhor para manter sua mente e coração abertos


Procure a oportunidade de aprender e crescer – ela sempre existe.


3. Você sempre tem uma escolha sobre como vê o mundo

Está acontecendo para você ou com você? Quando você opta por olhar a vida como acontecendo para você, capacita-se. Você vai de vítima para o dono de sua vida.



4. Permita-se sentir o que você sente 

Não empurre os sentimentos longe – eles são uma parte de sua natureza humana. Esteja com eles. Observe-os. Só não permita que eles te impeçam de avançar.



5. Nunca deixe ninguém fazer você se sentir indigno

Você nasceu para esta vida, assim como todos os outros. Nunca se esqueça que você tem um direito divino de estar aqui.


6. Reconheça que há uma grande diferença entre o sucesso físico e espiritual


Os dois têm conjuntos de regras completamente diferentes. Se mova na direção que sua voz interior te orienta, e verá o resto se encaixar.


7. Aproveite o tempo para cultivar amizades

Isto é importante. Encontre amigos que te aceitam como você é – que não vão se importar sobre quantas vezes você fracassar, cair. Tire um tempo para rir até chorar, chorar até se sentir melhor, e fazer cada coisa louca que gostaria, junto com eles. É dessas relações, dessas memórias que você vai se apegar quando estiver mais velho, e vai querer continuar a fazer pelo resto de sua vida.



8. Se você é mãe, seja muito (muito mesmo) gentil consigo mesma

Faça o melhor que puder, e saiba que isso é o suficiente. Você não precisa ser mãe para praticar isso.



9. Deixe ir as coisas ruins

Você provavelmente já ouviu isso antes, mas eu sinceramente acredito que este pode ser o nosso propósito na vida. Deixe toda a sua bagagem ir – fisicamente, mentalmente, emocionalmente. A vida é tão curta, e antes que você perceba terá quarenta anos. Não perca tempo preso no passado, em um relacionamento que não está lhe servindo, em um trabalho que você odeia, ou em alguma mentira sobre si mesmo que assumiu quando criança. Esteja aqui agora. Veja cada dia como uma oportunidade para o sucesso espiritual, e cada experiência como um presente. Se alguém está tentando lhe dar um presente ruim, você pode decidir aceitar ou retornar ao remetente.

No final do dia, lembre-se que ninguém pode fazer você sentir nada. Você decide como reage, o que permite e como se mostra. Responda com força, coragem e integridade, independentemente do que aconteceu ontem, e apesar do que pode acontecer amanhã.

Que você seja feliz em seus 20, 30, 40 e além!


 

___

Traduzido pela equipe de O Segredo

Fonte: Mind Body Green

5 verdades espirituais que podemos aprender com crianças

Artigo Anterior

A delícia do amor sem razão

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.