A gente precisa entregar o que não pode ser controlado para a sabedoria e generosidade do Universo

Às vezes, mesmo com a melhor das intenções, vivendo, oferecendo e sendo o melhor que podemos, a vida machuca.

Às vezes, por mais que a gente relute e tente disfarçar, não dá! O sorriso fica chocho, a fé fica abalada e as lágrimas insistem em cair.

É nesses momentos de vulnerabilidade, que precisamos mais de nós. É nesses momentos difíceis, que a gente segura a nossa própria mão e não tem medo ou vergonha de sentir o que quer que seja que venha à tona.

A gente só precisa confiar em nossa jornada, mesmo quando não entendemos, porque as coisas estão acontecendo da maneira que estão.

A gente precisa confiar no fluxo em que o Universo nos coloca, porque talvez aquilo que a gente menos gostaria que acontecesse, seja o que a gente mais precisa.

Acredite: quando a resposta for um não, tem um sim muito melhor lhe esperando logo ali adiante.

Eu sei que é difícil acreditar quando o seu mundo está desmoronando. Mas eu também sei que aquele que nos criou não erra, não demora e nem se atrasa.

Com fé, esperança e amor, a gente precisa entregar o que não pode ser controlado para a sabedoria e generosidade do Universo, respirar fundo e aprender a viver o momento.

Lembre-se que o agora é tudo que temos, por isso, só por hoje, não reclame; só por hoje, não se irrite; só por hoje, agradeça pelas bênçãos e seja humilde; só por hoje, permita que o seu propósito se cumpra, sem críticas ou julgamentos.

Só por hoje, permita-se ser, receber e dar todo o amor que existe em você. 


Direitos autorais da imagem de capa: Scott Warman on Unsplash



Deixe seu comentário