Animais

A história do gatinho de rua que bateu na porta de uma casa para entrar e se proteger do inverno

Foto: Reprodução
capaa historia do gatinho de rua que bateu na porta de uma casa para entrar e se proteger do inverno

O gatinho poderia ter um final muito diferente se não tivesse procurado ajuda. Conheça sua história!

A vida nas ruas é uma realidade cruel enfrentada por animais do mundo todo. Ainda que sejam cheios de amor, carinho e companheirismo para oferecer, eles não podem contar com uma família amorosa disposta a acolhê-los e lhes oferecer o amor e a atenção que merecem.

Esses animais lidam com infinitas dificuldades em seu dia a dia, desde a falta de afeto até a fome, doença e falta de um abrigo seguro e tranquilo. Quando as condições climáticas são intensas, eles podem sofrer mais ainda, chegando, infelizmente, a morrer pela falta de proteção e cuidados adequados.

Um gatinho do Canadá quase foi vítima da dificuldade da vida nas ruas, em 2020, mas uma atitude sua, num momento de desespero, mudou o rumo da sua história.

Uma matéria do site The Dodo contou a história tocante do felino. Segundo as informações apuradas, no Dia dos Namorados de 2019, no Canadá, comemorado em 14 de fevereiro, uma mulher estava em casa e ouviu um choro vindo de seu quintal. Ao abrir a porta para saber do que se tratava, ela encontrou um gatinho malhado laranja sofrendo na neve, abatido, expressão de quem precisava muito de ajuda. Miava muito, aparentemente para chamar a atenção de alguém que o pudesse ajudar.

O gatinho pediu ajuda à pessoa certa, porque a mulher era voluntária de uma ONG de resgate de gatos em Quebec, chamada Un Chat à la Fois (“Um gato de cada vez”, em tradução livre). Assim que acolheu o animal, ela enviou uma mensagem a Marie Simard, fundadora da ONG, com uma foto do gato. Mesmo que a ONG não estivesse aceitando gatos adultos, a situação daquele animal tocou o coração de Simard, que pediu para a voluntária levá-lo à sua clínica para ser avaliado.

2a historia do gatinho de rua que bateu na porta de uma casa para entrar e se proteger do inverno

Direitos autorais: Reprodução Facebook / Un chat à la fois / One cat at a time.

O gato nem tentou resistir ao resgate ou aos cuidados, numa aparentemente demonstração de que precisava muito de ajuda, o que logo em seguida foi comprovado pelo veterinário. O profissional que o examinou viu que Aslan, como foi chamado posteriormente, estava coberto de carrapatos, pulgas e feridas causadas por mordidas. O gatinho também sofria de hipotermia (congelamento), dentes cariados e diabetes.

Simard constatou que, se o animal não tivesse pedido ajuda naquele momento, não teria como sobreviver ao rigoroso inverno canadense.

Aslan, visivelmente muito cansado de uma vida de sofrimento motivada pelo abandono, não deixou que sua situação mudasse a sua natureza. Conforme contado pela dona da ONG, o gatinho era muito gentil com os funcionários da clínica e até punha a patinha para fora da gaiola para que as pessoas lhe oferecessem carinho.

Conforme o animal foi convivendo com sua nova família humana, laços de amor foram criados. O nome Aslan foi escolhido em homenagem ao leão da franquia de filmes “As Crônicas de Nárnia”.

Com alguns dias de tratamento, cuidados corretos com a saúde e muito amor e carinho, Aslan conseguiu se recuperar dos danos de sua saúde e se mudou para outro lar adotivo, e rapidamente fez amizade com os outros felinos do local.

Sempre muito gentil e amoroso, o gatinho fazia questão de mostrar para todos quão feliz se sentia por finalmente estar protegido e seguro.

3a historia do gatinho de rua que bateu na porta de uma casa para entrar e se proteger do inverno

Direitos autorais: Reprodução Facebook / Un chat à la fois / One cat at a time.

Quando chegou a hora de ser adotado por uma família permanente, os cuidadores do gato perceberam que não seria possível separá-lo da amiga felina que conheceu no lar adotivo, a Cleo, então acabaram ficando juntos.

Uma publicação na página da ONG Un Chat à la Fois mostrou a evolução do gatinho um ano depois do seu resgate, de fevereiro de 2019 a março de 2020. Confira!

4a historia do gatinho de rua que bateu na porta de uma casa para entrar e se proteger do inverno

Direitos autorais: Reprodução Facebook / Un chat à la fois / One cat at a time.

Essa imagem representa o quanto o amor e o cuidado podem transformar a vida dos animais. Desejamos a Aslan uma vida longa e muito feliz!

0 %