A imatura geração que está sempre frustrada e insatisfeita com tudo

4min. de leitura

Eles ficam entediados com muita facilidade, e raramente conseguem terminar algo que começam, seja um curso, um filme ou até mesmo uma amizade ou relacionamentos. Nunca conseguem ir para o próximo nível, tornar suas vidas mais interessantes e significativas.



Existe um sério problema com a geração atual, a constante frustração e insatisfação com absolutamente tudo em suas vidas. A casa que moram não é “bem equipada” o suficiente, os irmãos são muito chatos, os pais só querem mandar, a escola suga toda a sua alegria e a única coisa que os torna felizes de verdade são algumas horas aos finais de semana em festas junto aos amigos.

Eles vivem infelizes e incompletos, mas raramente conseguem detectar a razão de tanto sofrimento. Parece até que são as muitas faltas que os levam onde eles estão. Falta de autoconhecimento, de amor-próprio, de conexão com a família, da busca pela própria identidade e lugar no mundo.

Mal saem dos próprios quartos durante a semana, ocupados demais dormindo ou mexendo nas redes sociais. Não cumprimentam as visitas e fazem o maior drama para irem almoçar na casa dos avós, mas estão constantemente postando textos super maduros nas redes sociais sobre a importância de valorizar e família, sair da zona de conforto e ir atrás dos próprios sonhos.


Eles ficam entediados com muita facilidade, e raramente conseguem terminar algo que começam, seja um curso, um filme ou até mesmo uma amizade ou relacionamentos. Nunca conseguem ir para o próximo nível, tornar suas vidas mais interessantes e significativas.

Sentem que estão vivendo em vão, que não fazem nada de significativo no mundo, mas ao invés de mudarem as próprias atitudes, preferem culpar o mundo ao seu redor pelos seus fracassos e incompletudes.

Não lavam nem os próprios pratos, mas acreditam que o problema está sempre no outro, nunca no seu egoísmo e falta de atitude.

São os maiores juízes de todos que estão ao seu redor. Reparam e julgam todas as pessoas em suas vidas, nem mesmo os próprios amigos são poupados de seus comentários maldosos. Condenam e discriminam em suas mentes todos aqueles que não vivem de acordo com os seus padrões, mas falam com muita sabedoria sobre a autoaceitação e amor-próprio.


Vivem uma hipocrisia constante, e fazem das próprias vidas um belo exemplo de tudo aquilo que não deveriam desejar para si mesmos.

Deixam os pais preocupados, os amigos assustados e o mundo desesperançoso.

Os jovens de hoje precisam aprender a viver com maturidade, iniciativa e respeito. Precisam entender mais sobre si mesmos e como prosperar no mundo. Precisam aprender sobre valores e princípios.

É importante que entendam a responsabilidade que carregam não apenas sobre as próprias vidas, mas sobre o mundo do amanhã.

Do contrário, as crianças do futuro serão criadas por uma geração de adultos que nunca realmente cresceu, e o mundo estará em mãos imaturas e incapazes.


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: Antonio Guillem / 123RF Imagens

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.