A maioria de nós passa a vida inteira pedindo permissão



Começando com os nossos pais, passando pelos professores e chefes no trabalho. Pedir permissão no dia a dia parece ser uma regra.

Não percebemos, mas estamos constantemente nos apoiando em nossos amigos, colegas de trabalho e entes queridos para tomar decisões que podemos tomar por conta própria.

Decisões de como falar determinado assunto, se devemos sair ou ficar em casa, ter um novo hobby, começar um novo negócio ou comprar a roupa da moda.

É como se as nossas próprias inspirações valessem menos que a aceitação das outras pessoas.

Olhar para dentro e nos dar permissão para fazer e sentir pode ser o segredo para desbloquear a satisfação que tanto desejamos. Seja fazendo um novo corte de cabelo, criando um blog, tirando férias ou simplesmente escolhendo quando queremos dizer “não”.

Comece permitindo-se falhar. Muitas vezes, a nossa ansiedade é impulsionada pelo medo de fracassar. Assumir riscos é necessário quando se trata de avançar e o fracasso só vai ajudar a chegar onde você quer ir.

Dê a si mesmo a permissão para ser imperfeito. Assim como a permissão para ser feliz ou triste.

Comemore quando você fizer algo bom. Aceite de coração os elogios dos outros. Compartilhe as suas conquistas. Seja feliz! Não há problema em dar a si mesmo o espaço para aproveitar os seus momentos mais alegres.

Por outro lado, quando você não está se sentindo tão bem, sem problemas. Aprofunde-se nesses sentimentos e entenda o porquê você se sente assim. Além disso, saiba que você pode ficar triste ou sentir-se magoado. A emoção é inevitável e ninguém sente a felicidade 24 horas, nos 7 dias da semana.



Dê a si mesmo permissão para sonhar alto. Isso significa viver para as coisas que você ama, para que você possa se tornar quem você quer ser e não o que os outros esperam que você seja.

Saiba que não há nada de errado em ter metas e aspirações que os outros possam considerar “elevados”.

Como você verá todo o seu potencial se não tiver um objetivo alto?

Para ajudar a reforçar a importância de se conceder todas as permissões a que tem direito, crie lembretes. Comece hoje fazendo vários post-it. Após, encontre um lugar de destaque para colocá-los. Neles escreva: “Eu me permito ser próspero e abundante.”

Essas permissões desafiarão as suas crenças negativas. Elas muitas vezes são as responsáveis por acreditar que você não é bom o suficiente para um relacionamento de sucesso, o emprego que tanto deseja ou a tão sonhada estabilidade financeira.

Saiba que sentir-se positivo sobre você mesmo exige dedicação, mas mudando padrões, você pode mudar a sua vida!


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: mushegovdima/123RF Imagens.






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.