Pessoas inspiradoras

A motorista de ônibus escolar segura a mão de um menino que chorava no seu primeiro dia de aula

capaa motorista do onibus escolar segura a mao de um menino que chorava no seu primeiro dia de aula
Comente!

A motorista ajudou o menino a se sentir melhor durante o caminho; seu gesto foi muito elogiado nas redes sociais.

O primeiro dia de aula pode ser apavorante para algumas crianças, e seus pais sabem bem disso. Quantas vezes crianças pequenas começam a chorar pelo fato de não querer entrar em um ônibus escolar ou numa sala de aula? Sair de perto dos pais e ficar próximo de “pessoas estranhas” pode assustar os pequenos. Mas, nesses casos, gestos simples de carinho podem fazer toda a diferença! E foi o que fez a motorista de ônibus escolar Isabel Lane, do estado de Wisconsin (EUA).

Axel Johnson, de 4 anos, ia para seu primeiro dia de aula no pré-jardim de infância, e para comemorar a ocasião, sua mãe Amy Johnson decidiu tirar fotos dele no ônibus escolar. Porém, ao invés de Axel abrir um sorriso para a foto, ele começou a chorar.

Amy Johnson contou à CNN que seu filho estava superanimado para ir para a escola, mas que quando o ônibus dobrou a esquina, ele começou a se inquietar, então, assim que se abriu a porta do ônibus, ela olhou para Axel e ele começou a chorar. A mãe ainda revela que pegou o menino para colocá-lo no ônibus, mas ele se agarrou a ela, foi então que a motorista do ônibus, Isabel Lane, viu a cena e decidiu consolá-lo.

Isabel Lane revelou à CNN que tentou acalmar o menino, dizendo que ele conseguiria e se divertiria muito. Ainda conta que Amy estava tentando descer do ônibus, mas Axel continuou agarrando-a com força, nesse momento, a motorista decidiu intervir e colocar sua mão para Axel agarrar, e assim ele fez. Amy então desceu do ônibus, ainda com a intenção de ter sua “foto perfeita”. Foi aí que ela capturou a imagem dos dois de mãos dadas.

Após o ocorrido, Amy postou a foto carinhosa dos dois no Facebook, a qual até o Departamento de Polícia de Augusta compartilhou. Eles escreveram que a compaixão que se vê todos os dias nos professores, motoristas de ônibus, equipe de serviços de alimentação e paraprofissionais é verdadeiramente admirável. A publicação chamou a atenção de muitas pessoas, motivando diversos comentários positivos, principalmente elogios à postura de Lane, sua gentileza.

Lane, que adora trabalhar com crianças e é motorista de ônibus escolar do Distrito Escolar de Augusta, disse que podia enxergar que o menino precisava ser consolado naquele momento, e que fez o melhor que poderia ter feito.

Por morar numa cidade pequena, Lane revelou que consegue aprender todos os dias sobre as crianças que transporta. Ela disse que vitória incomparável para ela é que todas as manhãs ela diz para as crianças começarem a fazer um bom dia, e que quando sabe que uma delas não gosta de ir à escola e lhe diz “Sim, vou tentar”, isso a faz se sentir bem, pois elas a ouviram e espera que isso também os faça sentir que podem ser ouvidos.

Segundo a mãe de Johnson, a motorista do ônibus lhe contou que Axel parou de chorar antes do fim do trajeto. Ela ainda revelou que agora ele entra no ônibus todos os dias pronto para ir e que adora a escola.

Pequenos gestos podem mudar a vida de alguém. Isabel Lane ressaltou que isso vale para qualquer pessoa, e que não é preciso dizer nada, apenas mostrar que você está lá, pois isso já faz uma grande diferença no dia de alguém.

Comente!

Caio Ribeiro comemora fim da luta contra o câncer: “É sobre acreditar”

Artigo Anterior

A característica mais tóxica de pessoas difíceis é não saber ouvir

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.