A verdade é que ele(a) está brincando com o seu coração…



Então, mocinha(o), vamos direto ao ponto?

Pelo o que entendi, você está com as emoções destroçadas por conta de uma pessoa que faz gato e sapato do seu coração. Nunca houve, da parte dele(a) a intenção de cuidar dos seus sentimentos, para ele(a), o seu coração não passa de um parque de diversões.

Você está vivendo de migalhas, você mais chora do que sorri nessa barca furada. E é triste perceber que você está sempre tentando justificar as atitudes dele(a) que o(a) ferem.

Por que você insiste em ignorar o óbvio?

Ele(a) só a(o) procura quando lhe convém, enquanto isso, você vive na expectativa de um contato, sem nenhuma previsibilidade do que pode acontecer. É justo se submeter a isso, enquanto ele(a) não o(a) prioriza em nada?

Não, ele(a) não está confuso(a), ele não quer compromisso, ao menos com você, é isso. Sei que dói ler isso e pode ser que você sinta raiva de mim por lembrá-lo(a) disso, mas só quero ajudá-lo(a), eu juro. Fica claro que vocês são muito diferentes, e você está se agarrando naquele clichê “os opostos se atraem”. Tudo bem, pode até haver uma atração entre opostos, mas daí a construção de um vínculo gratificante para ambos, já são outros quinhentos.

Você quer compromisso, quer algo consistente, mas ele(a) só quer se divertir, de vez em quando. Ah, detalhe: ele(a) deixa isso bem claro o tempo todo, mas você insiste na crença de que ele(a) vai mudar.

Que tal tirar a venda dos olhos? Será que isso é amor mesmo?

Sabe, passa pela minha cabeça que isso já se tornou um desafio para você. Talvez você queira provar a si mesmo(a) que é capaz de fazer essa pessoa se apaixonar por você. Ou talvez você tenha pavor de pensar que ele(a) pode ser completamente diferente com outra pessoa e você se sentir inadequado(a), frustrado(a), incompetente… sei lá.



Hei, que tal desapegar disso? Essa história não tem futuro, você sabe. Vocês estão em sintonias diferentes. Essa atração física que existe não vale essa frustração que você sente.

Coloque um ponto final nessa história, olhe-se no espelho, olhe para a sua história de vida, perceba-se por inteiro… é isso que você merece?


Direitos autorais da imagem de capa: luizclas from pexels






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.