A vida não está como você planejou? tenho algo para lhe dizer!

4min. de leitura

Muita gente por aí precisa fingir ou se culpa por ter que fazer de conta que está tudo certo e tudo bem sempre, quando no fundo não está.



Não tem problema se as segundas são chatas, se existe este ou um outro dia da semana que você não curte, se está em um emprego ou desempenhando uma tarefa que não o deixa feliz ou à vontade, ou na corrida atrás de um trabalho.

E se disserem que você precisa mudar, claro que você sabe disso e que as pessoas querem mudar, mas nem sempre dá para largar tudo assim do dia para noite.

Pessoas têm responsabilidades e precisam cumpri-las. Pessoas são responsáveis por outras pessoas.


Tem quem não se perdoa, se um dia ou outro fugiu da dieta, se por uma semana deixou de frequentar a academia, se teve queda no rendimento escolar, se o namoro ou o casamento não está às mil maravilhas, se não consegue se livrar de um problema ou se curar de alguma doença.

Mães se punem por não darem conta da vida corrida, família, marido, filhos, casa, trabalho, vida social, se é que elas têm. Homens carregam a responsabilidade de oferecer um padrão de vida decente para os seus. Crianças e jovens sofrem por não corresponderem às expectativas dos adultos.

Hora de mudar, fazer terapia, viajar, trocar de emprego, encerrar o relacionamento, mudar o curso, o visual, voltar a se exercitar, corta relações, sair mais de casa.

Parece simples, fácil de falar, mas nem sempre as pessoas conseguem ou, talvez, não tenham condições.


Faltam oportunidades, falta grana, não dá para largar tudo, não há vagas de emprego em cada esquina. Mesmo que a gente tenha desejos, sonhos, esteja insatisfeito com alguma coisa, não vivemos e nos habituamos à realidade humana.

A vida é linda, uma dádiva, uma experiência para evoluirmos, porém em várias ocasiões, vivê-la com todas as demandas criadas pelo próprio ser humano é cansativa, aborrece, há situações que nem sabemos por que estamos enfrentando.

Hoje eu gostaria de não sair, ou sair sem hora para voltar. Queria ficar quieto num canto ou encher a casa de amigos.

Queria demitir o chefe ou desistir do negócio que coloquei e planejei há anos. Queria tudo o que ainda não tenho.

Todo tipo de pensamento passa por nossa mente. Em alguns momentos estamos tão vazios de tanta coisa que nem temos motivos ou vontade de agradecer.

Somos seres especiais, merecedores do melhor, mas as não manifestações do que desejamos, ou as situações que nos surgem inesperadamente, podem fazer aflorar sentimentos negativos, de tristeza e frustração. Gente, faz parte.

Só um detalhe: se nunca e em nenhum momento nada fica bom, aí já é hora de dar uma atenção para você mesmo. Pedir ajuda, desabafar, encontrar um meio de reverter esta situação.

Caso contrário, a gente precisa relaxar e aceitar que muitas vezes gostaríamos de apagar alguns ou vários dias da nossa história. E está tudo bem!

 

Direitos autorais da imagem de capa: Levi Clancy/Unsplash.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.