Abuso psicológico: os golpes invisíveis doem mais!

Identificar o abuso é mais fácil quando se é físico. Mas e o abuso psicológico? Este não é percebido, é um abuso “silencioso”.



O abuso físico é combinado com o abuso psicológico. E é possível ainda que haja abuso psicológico sem abuso físico, mas não pode haver abuso físico sem abuso psicológico.

“O abuso psicológico destrói completamente as pessoas. O assédio, sentir-se inseguro, mal-amado. Também é muito doloroso um silêncio, um olhar frio, de desprezo.” – Maria Jose Rodriguez de Armenta

O agressor sabe que sua palavra tem poder. Por isso a utiliza. Na verdade, o abuso psicológico é muito mais eficaz do que o abuso físico. Ele deixa uma marca, problemas que vão durar ao longo do tempo.

Muitas pessoas afirmam que esses golpes invisíveis doem mais do que qualquer abuso físico. Muitos preferem uma surra do que vários anos dedicados a superar os problemas arraigados por causa do abuso psicológico.



Suas palavras me machucam

mujer-con-cerradura-en-el-pecho-recordando-el-maltrato-psicológico

Abuso psicológico envolve palavras que ferem, degradam, desprezam … Tudo isso, em princípio, pode ser muito sutil, de modo que a pessoa abusada não perceba e vá gradualmente entrando no jogo do agressor.

Com maus tratos psicológicos, a pretensão é buscar o poder de sujeitar pessoas sem que elas percebam isso. Quer saber como identificar um agressor psicológico? Considere estas características:


  • Insultos, gritos, te ridiculariza e humilha fazendo você sentir que é inútil, que a sua própria vida é inútil. E fazem isso de forma com que você se sinta grato por ter alguém com você, apesar disto.
  • Ciúme excessivo e controle o tempo todo. Você é seu bem mais precioso, enquanto o mais desprezado, uma inconsistência que te confunde, mas à qual você se submete.
  • Te isola de seus amigos e familiares. Ele tem o poder de controlar quem fica com você e quando alguém pode ter o seu tempo ou não. Ele decide por você, você é sua marionete. Você não é livre, mas alguém que está sujeito aos caprichos e desejos de outro.
  • As ameaças constantes fazem você sentir um medo constante. Ele pode ameaçar te deixar ou outras coisas que sabe que são sua fraqueza.
  • A pressão emocional exercida sobre você faz com que você tenha sentimentos de culpa. Você se sente culpado de algo que não é sua culpa. Em outras palavras, pode “virar a mesa” para tudo.

Se você já conheceu alguém com essas características, provavelmente já esteve em contacto com um agressor psicológico.

Embora seja verdade que de vez em quando podem usar a força física se perceberem que a pressão psicológica não está sendo suficiente, a verdade é que geralmente não fazem isso “muitas vezes”.

“As marcas e contusões não se manifestarão em sua pele, mas em sua alma.”


Eu quero me livrar de seus golpes invisíveis

mujeres-semejantes-sufriendo-el-maltrato-psicologíco

A verdade é que é difícil ajudar ou que se deixe ajudar alguém que está sendo abusado psicologicamente. Para começar, ele não sabia se está certo, ou se merece protestar. O abuso é tanto que vai fazer você pensar que é digno de tal situação, que não é uma boa pessoa e que você merece tudo o que o agressor te faz.

Aí se encontra uma autoestima totalmente destruída. Uma autoestima quebrada, uma vida sem sentido, rodeada de dor, medo e necessidade de encontrar alguém que continuamente te machuca. E quando alguém toma conhecimento de que está sendo abusado psicologicamente, chega a hora de procurar ajuda e surpresa! Onde encontrá-la?

O abuso psicológico é silencioso por um motivo, como você mostra que está sendo abusado? Será a sua palavra contra a de seu agressor e ainda há muitas pessoas céticas que acreditarão que você está ficando louco.

Também pode acontecer que, apesar de estar ciente de que está sofrendo, você queira seguir e proteger a pessoa que está te machucando. Muitas pessoas agredidas defendem seus próprios abusadores! Isso é chamado de “Síndrome de Estocolmo”.


“Mas o que me preocupa é o outro abuso, o que não deixa marcas na pele.” – Walter Riso

É importante dizer que, embora esta situação seja mais comum com mulheres do que homens, é verdade que existem homens que também sofrem de abuso psicológico.

O que importa é identificar a pessoa, e se for de sua vontade, tentar ajudá-la. Porém às vezes, por mais que façamos muito não podemos fazer nada. A carga mental é de tal forma que o abusador consegue o seu verdadeiro objetivo. Invisível.

____________

Traduzido pela Equipe de  O SEGREDO – Fonte: La Mente es Maravilhosa

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.