Amor-PróprioO SegredoRelacionamentos

Acho mesmo é que os dispostos se atraem

Com meus vinte e poucos anos (quase trinta) haha, sempre pensei em estar sendo seletiva o suficiente ao querer alguém na minha vida, passei por algumas tantas decepções como quase todas as pessoas, porém sempre ouvi muito sobre: ” os opostos se atraem”. Desde então tenho refletido sobre isso, entendo e concordo até que em uma relação precisam haver diferenças, é um equilíbrio, precisa haver algo pra se debater de vez em quando, mesmo que sejam times de futebol opostos. Mas em contrapartida acredito que as semelhanças devem sim falar mais alto. Calma ai, não estou dizendo sobre culinária, filmes, estilo musical e afins, falo mais sobre o modo de encarar a vida sabe, sobre suas opiniões em relação ao mundo que está em sua volta, sobre ser uma pessoa otimista e disposta. Porque quando estamos dispostos as coisas acontecem, nos mostramos mais flexíveis a qualquer possível imperfeição ou defeito do outro (o que na minha opinião é muito raro, mas enfim). Quando estamos dispostos, fazemos dar certo e paramos de acreditar que o universo ou uma força superior tem a obrigação de fazer tudo isso acontecer, a gente se molda, se aperfeiçoa, tenta ser melhor para si e para o outro. Quando se é disposto a gente não troca na primeira briga, na primeira dificuldade, a gente conserta. Sejamos mais dispostos nesse ano que se inicia, vamos perder menos tempo tentando modificar as pessoas para nossa própria conveniência, olhe pra si, você faz verdadeiramente a sua parte? Digo sobre ser flexível e aceitar que ninguém é perfeito, nem ao menos você é, eu não sou e quer saber? Mais vale aquele que está disposto a te aceitar com todas tuas imperfeições do que alguém que te transformaria em uma versão fajuta de si mesmo. Se aceite, se observe, se ame, evolua, cuide de si para o outro que involuntariamente a recíproca vai ser verdadeira, e por falar em reciprocidade na sua relação de hoje, ta tendo?



Joguei fora aquela régua que já não servia mais

Artigo Anterior

Quanto pesam suas palavras?

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.