Notícias

Acusada de expor Klara Castanho, Antonia Fontenelle é atacada: Escória

Foto: Instagram.
Acusada de expor Klara Castanho Antonia Fontenelle e atacada

Antonia Fontenelle foi acusada de expor a história de Klara Castanho e passou a ser atacada nas redes sociais.

No sábado (25), após a atriz revelar que foi vítima de um estupro e que entregou o bebê à adoção, a apresentadora da Jovem Pan rebateu as mensagens de ódio e classificou seus autores como a “escória da sociedade”.

“Gostaria de saber porque estão tão revoltados comigo, me atacando por eu ter tido a coragem de mencionar uma história que, ao meu ver, é monstruosa, porém virou banal. A escória da sociedade vem aqui me perguntar o que tenho com isso? Muita coisa, uma vez que me preocupo com vidas de inocentes e luto por elas”, afirmou a loira, que é pré-candidata ao cargo de deputada federal pelo partido Republicanos no Rio de Janeiro.

Em uma publicação no Instagram, ela questionou, sem citar nomes, a atitude de Klara de entregar o bebê à adoção. “Não me surpreendo nada com a forma torta de alguns verem esse caso. Afinal, se os valores não tivessem todos invertidos, essa bizarrice não estaria acontecendo a cada esquina”, pontuou.

“Se a história procede do jeito que chegou até mim, só posso dizer uma coisa, alguém tem que responder por isso, e esse alguém não sou eu. Meus B.O.s eu assumo, meus filhos também. Parir uma criança, não querer ver e mandar desovar para o acaso é crime, sim. Só acha bonitinho essa história de adoção quem nunca foi em um abrigo, ademais quando se trata de uma criança negra. O nome disso é abandono de incapaz”, disparou Antonia.

Sobre a citação de abandono de incapaz é importante deixar claro que a Lei da Adoção, trouxe alterações ao Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), que incluiu a “entrega voluntária”, que consiste na possibilidade de uma gestante ou mãe de entregar seu filho ou recém-nascido para a adoção em um procedimento assistido pela Justiça da Infância e da Juventude.

Palanque na web

O nome da apresentadora entrou na lista dos assuntos mais comentados do Twitter por causa das acusações e reclamações feitas pelos internautas sobre a atitude de Antonia. No Instagram, a youtuber bloqueou os comentários nas suas últimas publicações.

“Tem que ser muito cruel e escrota para atacar uma jovem de 21 anos que foi estuprada, engravidou através dessa violência e decidiu colocar a criança pra adoção. Nojo demais dessa desgraçada dessa Antônia Fontenelle. Mulherzinha asquerosa, inescrupulosa e nojenta”, afirmou um internauta identificado como Henrique.

“Você é uma mulher nojenta, sem um pingo de ética, péssima profissional e uma grande escrota. O que você fez e falou, sim, são coisas monstruosas e sem escrúpulos. Você sabe bem o que aconteceu na situação”, comentou Tabatha Lacerda.

Confira as publicações:

Screenshot 12 7

Direitos autorais: Reprodução/Twitter.

Screenshot 13 8

Direitos autorais: Reprodução/Twitter.

Screenshot 14 9

Direitos autorais: Reprodução/Twitter.

Entenda o caso

Em entrevista ao programa The Noite (SBT) em 16 de junho, o jornalista Leo Dias afirmou que havia vivenciado um dilema profissional nas últimas semanas sobre publicar ou não uma reportagem sobre uma atriz. Na ocasião, o profissional não citou nomes nem detalhes do caso.

Antonia Fontenelle realizou uma live no YouTube na sexta-feira (24) e afirmou que o caso narrado por Dias era sobre uma atriz da Globo de 21 anos que tinha engravidado, escondido a gestação e entregado a criança para a adoção após o nascimento.

A comunicadora não citou o nome da atriz, mas os detalhes apresentados por Antonia fizeram com que os internautas associassem o caso a Klara.

Assim, diversos comentários sobre o que teria motivado a atitude da atriz passaram a ser especulados nas redes sociais.

Na noite de sábado, Klara rompeu o silêncio e revelou que foi estuprada, que engravidou da violência e que, após o nascimento, entregou o bebê à adoção.

“Esse é o relato mais difícil da minha vida. Pensei que levaria essa dor e esse peso somente comigo. Sempre mantive a minha vida afetiva privada, assim, expô-la dessa maneira é algo que me apavora e remexe dores profundas e recente. No entanto, não posso silenciar ao ver pessoas conspirando e criando versões sobre uma violência repulsiva e de um trauma que sofri”, desabafou a atriz em um comunicado feito no Instagram.