4min. de leitura

Algumas pessoas são o que são e você não pode fazer nada para mudar isso

Quando uma decepção nos salva.

Temos a estúpida mania de insistir em algo que está mais que comprovado que não dá mais certo. Lutamos, damos nossa cara a tapa, insistimos além do nosso limite, criamos falsas expectativas que aquele fim não precisa acontecer, que podemos dar um “jeitinho” e seguir em frente. Damos tempo para que as coisas se ajeitem e elas nunca se ajeitam.


Ficamos cegos para o óbvio e, indubitavelmente, quebramos a cara.

E é aí que uma nova decepção acontece e nos salva do fracasso de mais tempo de sofrimento, daquelas angústias e incertezas.

Entenda: algumas pessoas são o que são e você não pode fazer nada para mudar isso.

Não se sinta culpado, você deu o seu melhor. Fez tudo que estava ao seu alcance. Dentro de suas certezas e limitações, você lutou! Mas é chegada a hora de partir, de soltar, de deixar ir, de voltar a enxergar a vida sobre outro patamar. De voltar a pensar somente em você e nesse coração que está machucado, mas que voltará a bater descompassado. Voltar a ser feliz novamente, sozinha ou com um novo amor.


Desprender-se das angústias, da solidão a dois, de outras tantas decepções. Livrar-se do peso de uma relação que acabou muito antes de você decretar oficialmente o fim. Reconhecer que esse fim nos traz paz. Uma paz que há muito tempo você não sentia.

Por vezes, esse término pode ser doloroso, porque algumas pessoas têm o hábito tóxico do apego, da posse. Mas se souber se livrar disso, seu recomeço será glorioso!

Você vai acordar, numa bela manhã de terça-feira, e vai se no espelho, sentir-se vitorioso(a), corajoso(a), merecedor(a) de mais: mais amor, mais paz, reciprocidade, mais parceria.

Vai reconhecer que, embora tenha perdido tanto tempo insistindo em algo totalmente fracassado, você conseguiu se libertar e seguir em frente.


Vai aprender com as dores, vai agradecer por um novo recomeço, vai enxergar a vida mais colorida, vai se sentir leve, mais bonito(a) e mais abençoado(a).

Não se assuste se de repente você sentir uma vontade incontrolável de só sorrir e abraçar a todos.

Vai perceber que ao se livrar de pessoas que o(a) levam para trás, sua vida começa a caminhar para frente. A negatividade perde lugar para a positividade.

Então, não lamente, não perca mais tempo se questionando. Liberte-se, aceite o fim e siga em frente! Você é merecedor(a) do melhor que a vida tem para oferecer!


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: 123RF/ndstock.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.