ColunistasRelacionamentos

Alguns relacionamentos dão errado antes de darem certo

alguns relacionamentos

É estranho, mas já reparou como alguns relacionamentos dão errado antes de darem certo?



É como se ambas as pessoas precisassem passar por alguns obstáculos antes de usufruir de todo o bem-estar que um relacionamento saudável é capaz de trazer. E não necessariamente isso é de todo ruim.

Claro que nem sempre é assim, mas quem nunca ouviu aquela história de um casal que passou por várias dificuldades antes de conseguirem de fato engatar o romance?

Isso só me faz pensar em como o destino é poderoso. Afinal, quando um relacionamento começa cheio de desafios é preciso de ainda mais vontade para fazer acontecer. É preciso realmente querer enfrentar e lutar pela pessoa que está ao seu lado.


Às vezes, perdemos as forças e as esperanças no meio do caminho, mas logo em seguida pensamos: “Se eu persistir mais um pouco, tenho certeza de que dará certo e ficaremos juntos.” E então vem o gás e a vontade de tentar mais uma vez.

Afinal, se o sentimento é verdadeiro, se a vontade é genuína, então os obstáculos se tornam meros coadjuvantes.

É claro que, muitas vezes, por mais que existam sentimentos verdadeiros, isso não basta.

Alguns relacionamentos simplesmente não dão certo por outras questões: timing de vida, prioridades, e por aí vai.


Mas é sempre bom ter em mente que por mais que dê errado no começo, quando realmente é para ser, depois de toda a tempestade dá tudo certo. As dificuldades fortalecem o amor e comprovam que o sentimento é real.

Por isso tenha sempre em mente que só porque seu relacionamento não está começando tão bem não significa que não dará certo. Persista um pouco mais, lute pelo o que acredita e colha os frutos deste amor.

Se for para ser, não importa que deu errado no começo. O que importa é que deu certo no final.



Direitos autorais da imagem de capa: Hunters Race on Unsplash


Filha de porteiro passou em 4 faculdades de medicina, e vai estudar nos eua

Artigo Anterior

Menino de 8 anos deixa o cabelo crescer por dois anos para doá-lo às crianças com câncer

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.