O SegredoVida

A alma permanece onde se aquece

a alma permanece

Simples assim. Em palavras diretas e de fácil compreensão. Sem aconchego a alma reluta por liberdade, pois sabe exatamente quando não é bem-vinda ou quando aquela situação não lhe cabe, não agrega.



Alma não mente. Nós é que mentimos para ela, tentando impor o que, aos nossos falhos olhos humanos, nos parece adequado, cômodo.

Então tentamos desesperadamente nos convencer de que está tudo propício para o amor acontecer. Esquecemos que nem todas as coisas estão sob nosso controle. Tentamos inutilmente nos convencer a ficar, mesmo que todas as sirenes de aletas soem em nosso íntimo. É o medo em conjunto com a carência que nos cegam, nos fazendo aceitar e lutar por relacionamentos que vão contra nossa essência. Nossas raízes e crenças.

Não há solidão mais dolorosa que aquela que sentimos ao receber algo que se parece com afeto, mas não tem base, forma ou contorno. É um mergulho na escuridão do vazio.


Mesmo assim, muitas vezes permanecemos, aguardando o milagre! Esperamos que um belo dia a pessoa acorde pela manhã sentindo que somos amores indispensáveis. Mesmo acreditando fielmente em milagres, não creio que esse seja o prodígio que mereça seu foco e energias mentais, afinal é incompleto, não foi dado livremente, não fluiu com o encantamento que o amor trás.

Existem dezenas de livros e citações que nos fatigam a todo instante com os ensinamentos que já sabemos de trás para frente: “O que é seu encontrará uma maneira de chegar até você”, “Não corra atrás das borboletas, cuide de seu jardim para que elas venham até você”, “Você encontrará alguém que lhe mostrará o motivo de não ter dado certo com outras pessoas”, “Para cada panela existe uma tampa”… etc, etc, etc…

E enquanto o amor não vem?  O que fazer nesse meio tempo emocional?

O meio tempo é nosso laboratório mental e espiritual, para que, como todos já sabem, possamos ser melhores, evoluir e estar preparados para receber nosso troféu, que pode ser em forma de um relacionamento ou de uma evolução espiritual, uma visão mais abrangente das técnicas de como suportar uma tempestade, mantendo o equilíbrio emocional, claro. Momento propício de dedicar total carinho ao nosso EU, quem sabe já exausto de pisar em espinhos.


Um tempo, um alento…. Uma brisa suave para levar as cinzas…. Uma nova força para arquitetar sonhos ou resgatar os que já estão no esquecimento. Reviver o que está morto dentro de nós…

Despertar…

Problemas ou desencontros podem ser bênçãos disfarçadas…

Quando a alma se encanta profundamente ela permanece.


Aninhada no aconchego da paz. Sem dúvidas, sem medos, aquecida em sua essência pela confiança de um amor leve…. Um amor que não aprisiona, apenas acontece…. Que te protege sem a pretensão de controlar. É a mais pura forma de segurança. E quem não busca por segurança?

Acasos existem, porém só favorecem uma mente preparada.

11 lições sobre mudança de vida a aprender com jim carrey

Artigo Anterior

Ciência encontrou uma ligação interessante entre ansiedade e inteligência

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.