Notícias

Amigos há mais de 20 anos, Sandra Bullock e George Clooney trocam declarações de carinho e união

Foto: DepositPhotos
Capa site Amigos ha mais de 20 anos Sandra Bullock e George Clooney trocam declaracoes de carinho e uniao

Os dois são muito amigos e ainda têm a sorte de trabalhar juntos, às vezes. Veja todas as declarações sobre esta linda amizade!

Sandra Bullock, filha de uma cantora de ópera, nasceu em 1964, no estado da Virgínia, nos Estados Unidos. Decidida a ser atriz, matriculou-se em um curso de teatro na Universidade da Carolina, mas não chegou a finalizá-lo. Somente em 1985, quando se mudou para Nova York, é que dividiu seu tempo entre aulas de teatro e o emprego de garçonete. Sua carreira foi decolar apenas em 1993, quando estrelou “O demolidor”, ao lado de Sylvester Stallone, e no suspense “O silêncio do lado”.

Nascido em 1961, em Kentucky, nos Estados Unidos, George Clooney é filho do apresentador de TV Nick Clooney, que o influenciou a investir no jornalismo, inclusive trabalhou como jornalista na televisão. Querendo seguir um novo rumo, participou de vários filmes e séries, até se tornar um sucesso na série de TV “Plantão Médico”, interpretando o Dr. Doug Ross, entre 1994 e 1999. Clooney é ator, produtor e diretor.

Sandra Bullock e George Clooney são amigos há muitos anos e se dão muito bem, por isso conservam a amizade com muito carinho. Segundo o CTV News, Bullock disse que os dois atores se conheceram muito antes da fama, quando saíram da universidade, e conhecem várias fases da vida um do outro. Para Bullock, o importante é que, até hoje, ainda gostam um do outro e ainda se admiram.

Imagem 1 Amigos ha mais de 20 anos Sandra Bullock e George Clooney trocam declaracoes de carinho e uniao

Direitos autorais: Gravity / Warner Bros e co-produtores

Os dois são tão amigos, que já ficaram “presos” no espaço sideral, quando contracenaram na ficção científica “Gravidade”, filme lançado em 2013. Depois se reuniram em Toronto (Canadá) para falar da amizade de longa data dentro e fora da tela. Bullock confirma que eles discordam entre si, como em qualquer amizade, mas “lutam” de forma justa, e após todos esses anos, é uma coisa legal poder dizer isso ainda. Clooney diz também ao CTV News que ele e Sandra se divertem muito juntos.

Em 2015, ele produziu a comédia “Especialista em crise”, sobre estrategistas políticos americanos que tentam fraudar uma eleição presidencial na Bolívia e, claro, Sandra foi escalada para interpretar um personagem originalmente masculino, mas Clooney, feliz consigo mesmo, adaptou o papel para sua velha amiga participar. O co-produtor do filme, Grant Heslov, falou sobre a possibilidade da mudança do papel para que Bullock o interpretasse, e Clooney concordou, dizendo que era uma ótima ideia. Não houve muita hesitação, a única dúvida era se o escritor poderia fazer isso acontecer.

Imagem 2 Amigos ha mais de 20 anos Sandra Bullock e George Clooney trocam declaracoes de carinho e uniao

Direitos autorais: Imagem licenciada para o site O Segredo: DepositPhotos

Na estreia de “Especialista em crise”, Sandra Bullock, vencedora do “Oscar”, contou ao Acess Hollywood como conheceu o amigo e produtor. Segundo ela, foi muito engraçado, pois ele estava bêbado. No tapete vermelho, ela riu e disse que sabia que era algo chocante, mas Clooney é dono de uma empresa de tequila. De qualquer forma, a atriz contou que o primeiro encontro deles foi na casa de um amigo em comum, e ele imitava o também ator Buddy Hackett. Estava acompanhada de um amigo de George. Sandra disse ainda que, naquele dia, George foi até o amigo e o intimou: se não se casasse com ela, ele se casaria! Esse foi o pontapé para o namoro da atriz com o amigo de Clooney; o relacionamento durou quatro anos.

Imagem 3 Amigos ha mais de 20 anos Sandra Bullock e George Clooney trocam declaracoes de carinho e uniao

Direitos autorais: Imagem licenciada para o site O Segredo: DepositPhotos

Sandra disse que o ator trabalha muito e está sempre disposto a ajudar, diverte-se muito e espalha alegria por onde passa. À BBC, Bullock tira sarro do amigo, dizendo que gostava de ser chamado de “o homem mais sexy, duas vezes votado”, e que a brincadeira era como dizer “senhor” ou “senhora” na América, supernormal.

0 %