Amizades tóxicas: não vale a pena se desgastar na tentativa de manter algo raso na vida

4min. de leitura

Sabe aquele tipo de amigo que nunca fica feliz com suas conquistas, que o julga sem o menor consentimento e que está sempre olhando para os próprios interesses?



Pois bem, não é uma tarefa fácil identificar amizades tóxicas, digo isso por experiência própria. Durante quatro anos, convivi com uma pessoa que me sufocava, mas levei tempo até perceber como aquela relação me fazia mal. Eram frases do tipo: “você não tem capacidade para fazer isso”, “olha só como você se acha, seu cabelo está horrível”, “é desnecessário fazer essa prova, ninguém passa, mas tenta”, “você é burra, nunca me entende”.

É muito mais difícil enxergar a realidade quando se trata de pessoas que amamos.

Com base na minha experiência, decidi deixar aqui quatro lições importantes para você:

1. Em uma amizade verdadeira, há sim algumas desavenças superáveis, mas é inadmissível ter de lidar com queixas intermináveis. Dói muito ouvir palavras depreciativas sobre nossos sonhos e conquistas, aliás esse é um sinal claro de que algo não vai bem.


2. Fuja de pessoas infelizes com a própria vida. Qual o sentido de estar na companhia de quem está sempre envolvido em fofocas e confusões? O grupo no qual estamos inseridos diz muito sobre nós, então queira perto de si quem está preocupado em crescer como pessoa, e não perdendo tempo falando da vida alheia.

3. Não caia na manipulação. Sim, o manipulador costuma distorcer características pessoais do outro para conseguir aquilo que quer e, caso não consiga, fará com que você se sinta culpado, diminuindo-o como pessoa.

4. Reflita se vale a pena manter a amizade com alguém que só procura você quando lhe convém. De alguma forma, sempre esperamos reciprocidade, isso é normal, mas ser egoísta a ponto de querer impor tudo sobre o outro é um sinal de individualismo, e não é isso que buscamos.


Talvez, assim como eu, você tenha ficado na dualidade. Afinal, vale a pena se distanciar de mais alguém? Amigos contamos nos dedos, e é muito comum nos separarmos de muitos durante a vida, talvez isso possa deixar você inquieto.

Mas o que lhe digo é que não vale a pena se desgastar na tentativa de manter algo raso na sua vida. Saiba que você irá buscar pessoas que estão em sintonia com seus objetivos e crenças, portanto se pergunte: quem eu gostaria de ser e quais são os meus valores?

Se se decidir por um ponto final em relações tóxicas, no início irá sim doer, mas será passageiro.

 

Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: 123RF Imagens.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.