Amor-PróprioColunistas

Amor é não esquecer de si por ninguém nesse mundo

amor é

Amor é escolher, em qualquer hipótese, a sua saúde emocional. É não esquecer de si por ninguém nesse mundo, porque se você esquece de si mesmo, você não consegue compreender o verdadeiro significado do amor, que é, fazê-lo inteiramente bem.



Quando ouço alguém dizer: ”quem ama não desiste nunca!” Bate em mim uma vontade de gritar: desiste sim! E sei disso porque precisei abrir mão de alguém antes que eu abrisse mão de mim mesmo.

A gente precisa entender que o amor não precisa doer, e que não devemos permanecer em qualquer lugar, situação, pessoa ou relação que tente nos roubar de nós mesmos.

Posso dizer com toda certeza do mundo que quem ama desiste sim! E confesso, não é fácil desistir de alguém que você ama muito. Não é fácil abrir mão de uma relação em que você criou um laço durante tanto tempo. É difícil deixar ir ou ter que pular fora de alguém primeiro, porque você não consegue mais sorrir e se sentir bem ao lado daquela pessoa.


Mas é aí que está o verdadeiro significado do amor.

Amar é também aceitar quando as coisas não fizerem mais sentido, é aprender a se equilibrar sozinho depois que o outro largar a outra ponta.

É compreender que algumas coisas precisam acabar, principalmente quando não existir vontade dos dois lados.

Amar é aceitar que os finais existem, e que, por vezes, precisaremos deles para realinhar nossos passos, para reaprender a seguir sozinhos e enxergar novos caminhos, em vez de insistirmos nas mesmas estradas que nos levam sempre às mesmas decepções.


Amar é o ato de se enxergar, é entender o tamanho que você possui, é admirar a pessoa que você é, porque só você sabe o peso que carrega em si mesmo. É entender que você não merece, nem precisa estar com alguém que não soma, ou insistir em algo que não transborda.

Amor é escolher, em qualquer hipótese, a sua saúde emocional. É não esquecer de si por ninguém nesse mundo, porque se você esquece de si mesmo, você não consegue compreender o verdadeiro significado do amor, que é, fazê-lo inteiramente bem.

Amar é saber que você é incrível, que você é demais, que você é um mulherão e que não deve, em hipótese alguma, insistir ou implorar por algo que não lhe cabe.

Por fim, amar é ser capaz de desistir de alguém para não ter que desistir de si mesmo.



Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: sonjachnyj / 123RF Imagens


Mãe é uma palavra pequena, mas com um significado infinito, pois quer dizer amor…

Artigo Anterior

Como manter um relacionamento duradouro, no século dos jogos de poder entre os casais?

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.