Relacionamentos

Amor unilateral não é amor!

amor unilateral

Amor unilateral não é amor. É tortura.



É esperar por algo que talvez nunca aconteça. É olhar para alguém que não te vê. É pensar sobre alguém dia e noite, enquanto você provavelmente nunca passa por sua mente. É olhar para seu celular esperando que ele te mande mensagem ou te ligue.

Amor unilateral não é amor. É um campo de batalha.

É lutar contra suas emoções. Contra seus sentimentos. Contra a realidade. É lutar contra tudo o que as pessoas estão dizendo e acreditando em suas fantasias. É lutar contra sua própria intuição. Sua lógica. Seu coração. É uma batalha que você não pode vencer. Uma guerra que você não pode parar. É perder uma e outra vez. É entregar-se a algo que acabará por destruí-lo.


O amor unilateral não é amor. É desgosto.

É uma pessoa dando e outra e tomando. É uma pessoa que ama e outra que nem se importa. É uma pessoa sempre esperando por algo mais enquanto a outra está evitando o assunto completamente. É uma pessoa disposta a fazer qualquer coisa para o relacionamento funcionar e a outra nem mesmo pensando sobre isso. É uma pessoa sempre chorando e a outra está sempre rindo.

O amor unilateral não é amor. É autodestruição.

É questionar sua autoestima a cada noite. É constantemente se perguntar porque você não é suficiente, porque nunca é escolhido. É amplificar cada pequena falha. É olhar para si mesmo e não gostar de nada sobre você. É deitar na cama pensando demais em tudo o que você disse e fez, porque deve ter sido algo que você disse, deve ter sido você. É sentir como se nunca fosse amado, porque ninguém é capaz de te amar de volta. Ninguém que você queria realmente te quer.


O amor unilateral não é amor. É paixão. É obsessão.

É gostar da ideia de alguém. Mas o amor verdadeiro nunca é unilateral. O amor verdadeiro é recíproco. O amor verdadeiro é paciente. O amor verdadeiro é compreensivo. O amor verdadeiro são duas pessoas que embarcam em uma viagem maravilhosa junto com todos seus altos e baixos. São duas pessoas dispostas a escolher uma a outra. São duas pessoas tentando aceitar uma a outra e amar as piores partes uma da outra. São duas pessoas prometendo estar lá na saúde e na doença.

É lealdade. É tranquilizador. É compromisso. É intimidade. É profundidade. É força. É uma razão para viver mais tempo. É uma razão para ter fé na vida. O verdadeiro amor cura. O amor unilateral rompe. O amor verdadeiro é o único amor que você precisa procurar. O amor unilateral é tudo menos o amor. É um termo poético para desgosto. Um termo poético para o sofrimento.

____


Traduzido pela equipe de O Segredo – Fonte: Thought Catalog

11 sinais de que você encontrou o seu “felizes para sempre”…

Artigo Anterior

Como ganhar uma discussão, segundo gandhi:

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.