Notícias

A mais ouvida no mundo, Anitta calou quem a acusava de “rebolar para fazer sucesso”

Foto: Reprodução;
Anittaaa

A cantora conseguiu um feito inédito, se tornando a primeira artista brasileira a ter a sua música como a mais tocada no Spotify no mundo todo.

Anitta é alguém que podemos chamar de um fenômeno, sem sombra de dúvidas. Alcançando o grande público pelos anos de 2010 com seu hit “Show das Poderosas”, houve na época quem dissesse que ela seria uma artista passageira, que logo cairia no ostracismo.

As críticas a artista se originaram bastante devido ao ritmo que cantava, o funk, que sofre um tremendo preconceito no Brasil até hoje, e também pelo fato de ser uma artista feminina, o que por si só já é uma posição cheia de desafios, mas Anitta tinha um diferencial: ela exibia sua sensualidade sem timidez, e exibindo também o seu talento para os negócios. A carioca sempre soube inovar e trabalhar com referências inusitadas, o que não era esperado do gênero que performa.

Com cerca de doze anos de carreira, Anitta – que é Larissa, de batismo – conseguiu feitos impressionantes e até mesmo impensáveis para aqueles que a julgavam apenas como uma bela mulher que “rebolava para ter sucesso”, como tantos na internet gostam de criticar. Ela conseguiu músicas com gigantes da indústria, como Madonna e Cardi B, foi headliner do Rock In Rio e será no Coachella 2022, foi uma das poucas brasileiras a pisar no MET Gala, performou no VMA e agora a conquista mais significante até o momento: ela se tornou a artista mais ouvida de todo o mundo no Spotify.

A subida em si no ranking já era um grande motivo de orgulho. Mesmo antes do engajamento em massa do Brasil para que ela levasse essa conquista – onde até mesmo pessoas que não se consideravam suas fãs deram um play em “Envolver” para ajudar – a música já era um sucesso nas paradas nacionais e internacionais, além de ter viralizado no TikTok com sua coreografia.

2 A mais ouvida no mundo Anitta calou quem a acusava de rebolar para fazer sucesso

Direitos autorais: Reprodução Instagram / @anitta

Em questão de dias, a canção Envolver saltou do Top 10 para o primeiro lugar, se tornando a música mais tocada do mundo naquele final de março. E essa disputa teve direito até mesmo a uma rivalidade com os “Hermanos”, como na Copa do Mundo, quando um artista argentino também entrou na competição. Os “memes” e comentários sobre a escalada de Anitta para o número 1 tomaram as redes sociais e quando sua vitória foi chegou houveram até comparações com final de Copa para o evento.

Anitta é a artista brasileira de maior sucesso atualmente, atuando em diferentes frentes que não somente a música. Ela está envolvida em cada passo das produções de seus clipes e shows, é sua própria empresária além de agenciar outros artistas, atua de dentro com empresas como Skol e Nubank, dando seu ponto de vista para os planos das marcas, além de ser garota propaganda de diversas marcas e serviços.

Mesmo com esse currículo estelar, ainda tiveram aqueles que desmereceram as conquistas de Anitta, dizendo que deveria ser uma vergonha que ela fosse a primeira brasileira a alcançar o topo do Spotify com uma música sensual e dançante, sendo que em nosso país temos expoentes da Bossa Nova e MPB. Estes gêneros tem o seu valor, mas tirar a grandiosidade da conquista de Anitta por ela fazer música em um ritmo mais popular é uma prova de ignorância e elitismo; como se apenas ritmos e letras eruditas fossem merecedoras de prêmios, estilos de música que não são tão abraçados pela grande massa. Ter este preconceito musical é algo extremamente ultrapassado, que algumas pessoas ainda insistem em cultivar.

3 A mais ouvida no mundo Anitta calou quem a acusava de rebolar para fazer sucesso

Direitos autorais: Reprodução Instagram / @anitta

Mas no fim do dia, os números provam que os “haters” de Anitta são minoria. A carioca de Honório Gurgel trilhou um caminho sem precedentes e está alçando um voo cada vez mais alto, levando sua música e o Brasil para todo mundo – pois ela nunca deixa de mencionar a sua origem nas entrevistas no estrangeiro. Seus planos de marketing e estratégia são invejáveis e a ajudaram a levá-la onde está hoje; esta vitória não vem por acaso, ela é fruto de anos de trabalho e dedicação, que Anitta já provou diversas vezes ter de sobra.

0 %