Ansiedade: mal do século! Você sofre desse mal?

As estatísticas brasileiras em matéria de ansiedade são as mais altas, mas não precisamos fazer parte delas. Aliás, fugir dessas estatísticas é uma atitude muito inteligente da nossa parte!

Sei que não é fácil, mas, com certeza, para manter nossa longevidade e saúde, precisamos aprender a deixá-la bem longe da nossa vida.

Vamos lá? Aqui deixo as dicas com base nos estudos mais recentes, por isso confie, dará um resultado extraordinário!

Na maioria das vezes, pensamos que é difícil reduzir os níveis de ansiedade, de manter o foco…mas veja 32 sintomas, soluções e exercícios que são simples, potentes e eficazes.

Tenha paciência até o final, pois começará a trabalhar sua ansiedade…

O que mais podemos fazer nos nossos dias para manter nosso foco e equilíbrio?

Quando fazemos novos caminhos cerebrais e repetidamente nos forçamos a usar esses caminhos, trabalhamos com a neuroplasticidade. “Esticamos” nossa vida com qualidade, ajudando nosso cérebro a manter sua saúde integral, incentivando nossa fonte da juventude. Com certeza, estamos nos amando mais!

Mais algumas dicas certeiras:

  • Manter a postura corporal de “tudo vai dar certo”, ou seja, cabeça erguida, costas eretas, andar com passos largos e firmes faz muita diferença! Da mesma forma que, quando estamos desanimados nossa postura é para baixo, quando fazemos a postura para cima, o ânimo muda. Mudar a postura corporal muda o estado de ânimo.
  • A tonalidade da nossa voz também é bem importante! Colocar entusiasmo na voz cativa os outros e incentiva a automotivação.
  • O sorriso é fundamental, pois cria uma ligação emocional imediata com os outros e consigo, além de aumentar a imunidade, diminuir a dor, melhorar o sono e agir como fonte da juventude para o cérebro.
  • Invista energia no que deve. Não desperdice sua energia deixando-se irritar ou discutindo. Se você se considera negativo, reclama muito, sempre tem pensamentos ruins na cabeça, procure forçar a partir de hoje e substituir os pensamentos negativos por acontecimentos bons de sua vida. Nossas células guardam memórias e, quando lembramos de algo toda a emoção, toda a “marca” que ficou vem junto com a lembrança. Vamos sempre lembrar de coisas muito boas!
  • Aprender algo novo cria um escudo protetor para negatividade. A neurociência já comprovou que quanto mais a gente fizer coisas diferentes e aprender novos conteúdos, mais a gente consegue “rejuvenescer” o nosso cérebro.
  • Coloque metas pequenas todos os dias, assim você vai conseguir persistir, vai conseguir manter a determinação. Colocar metas longas de início dá mais espaço para a frustração.
  • Entrar em contato com a natureza, fazer exercícios ao ar livre, pegar sol, libera muito mais serotonina. Segundo a silvoterapia, caminhar e respirar profundamente em ambientes arborizados, parques, florestas, bem como, abraçar uma árvore, são ações terapêuticas que fortalecem nosso sistema nervoso.
  • Faça sempre uma pergunta: isso vai fazer diferença daqui a um ano? Se a resposta for sim, vale a pena nos preocupar e resolver o problema, se a resposta for não, podemos esquecer o assunto e pensar em algo mais agradável.
  • Cuidar da alimentação e tomar água de forma adequada, são formas de cuidar da nutrição do corpo e da nutrição do amor por nós mesmos.
  • Ativar as emoções positivas diariamente libera altas doses do Quarteto da Felicidade, cultivando a proatividade e pensamentos receptivos. Emoções positivas como perdão, gratidão, amor, gentileza, bondade, alegria, sendo cultivadas diariamente com pequenos gestos, como segurar a porta do elevador para alguém, propiciam bem-estar e reforçam os caminhos positivos no cérebro.
  • Abrace mais! Use o abraço como remédio, afinal ele previne doenças, diminui o estresse, fortalece a imunidade, reduz o risco de doenças cardíacas, desenvolve foco e memória…
  • Respire profundamente várias vezes por dia. Ao respirar profundamente pense em algo bom e intensifique esse momento.
  • Cultive mais o silêncio. Ele possui um poder curativo maravilhoso.

Vá aos poucos. Coloque uma atitude de mudança de cada vez. Faça diariamente por alguns dias, depois coloque mais uma.

Pratique de uma até duas semanas a mesma atitude e assim você conseguirá formar novos hábitos.


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: 123RF / Imagens.



Deixe seu comentário