Antes de amar a vida e os outros, é preciso amar a si mesmo

A vida só começa quando nos apaixonamos por nós mesmos. Sem amor-próprio ninguém consegue ser verdadeiramente feliz. E, para nós, sua felicidade é o nosso sentido, por isso seguem 12 dicas para elevar sua autoestima.

Antes de amar a vida e os outros, é preciso amar a si mesmo.

Ter autoestima elevada é fundamental para uma vida feliz. Ninguém vive bem se achando menos do que realmente é. Ter autoestima significa estar de bem consigo e com a vida. Nos sentimos leves e alegres pelo simples fato de existirmos. E nos livramos dos sentimentos de frustração, rancores e melancolia, afastando a infelicidade e a depressão.

Por isso, confira algumas dicas de como se olhar no espelho e sentir amor-próprio:

1. Se lhe parece errado, não faça

Se você se sente mal com o que está fazendo, pare tudo e mude de atividade. Insistir naquilo que você não acredita ou vai contra seus valores é ferir seu próprio eu.


2. Fale exatamente o que você quer dizer

Não fique de rodeios, seja claro e sincero. Trancar o que sente, além de prejudicar a autoestima, pode provocar doenças graves. Portanto, não negue seu próprio ponto de vista, mas fale com amor.


3. Não se preocupe em agradar todo mundo

Ninguém tem uma autoestima saudável esquecendo de si mesmo em função dos outros. Entenda seu valor e que suas atitudes perante os outros nunca se sobreponham ao seu amor-próprio.


4. Confie em seus instintos

Sua inteligência inconsciente tem uma incrível capacidade de compreender o que está acontecendo. A intuição é a forma como a onisciência de Deus conversa com a gente. Escute-a e terá mais confiança.


5. Nunca fale coisas ruins a seu respeito

Lembre-se de que as palavras podem se tornar verdades e atraem a energia que emitem, então, mude de sintonia. Fale e espere coisas boas da sua vida. Assim, você eleva a crença que tem em si mesmo e seu otimismo diante dos seus dias.


6. Nunca desista de seus sonhos

Não importa que idade você tenha ou quanto tempo possa demorar, o tempo passará de qualquer maneira, então, viva-o plenamente, em vez de desistir.


7. Não tenha medo de dizer não

Dizer “sim” quando deseja dizer “não” é trair a si mesmo. Isso prejudica e muito nossa autoestima. Não deixe de ser generoso, mas também não se corrompa.


8. Não tenha medo de dizer sim

Livre-se de inseguranças bobas, de medos infundados, de preocupações que só o paralisam. Diga sim para o amor, para a vida, para seus sonhos. Sim de peito aberto para tudo que lhe faz bem.


9. Seja legal consigo mesmo

Agrade-se. Dê-se presentes de vez em quando. Invista em você. Tire um tempo para si, seja para relaxar, fazer uma atividade física ou viajar. Nunca esqueça de que você também merece seus cuidados para manter sua autoestima elevada. Não adie mais o que o enche de autoestima.


10. Desapegue do que você não pode mudar

Insistir em controlar aquilo que não lhe cabe é a tortura daqueles que não têm amor-próprio.  Coloque suas boas energias naquilo que é possível transformar e sua autoestima ficará nas alturas.


11. Fique longe de energias negativas

Sejam pessoas ou situações, as vibrações negativas provocam um desequilíbrio no seu eu e o colocam para baixo, enquanto a positividade só acrescenta, ainda mais, alegria e confiança em si mesmo, além da satisfação de ser quem se é.


12. AME!

Ter autoestima não significa não precisar de amor, mas sim, não ter medo de amar. Por isso, ame as pessoas, a natureza, os animais, tudo que você tem. Ame a vida, ame a si mesmo. É o amor que cura o mundo e também a sua alma.

Por mais que pareça contraditório, muitas pessoas gostam menos de si mesmas do que deveriam. Mas não deixe as inseguranças internas distorcerem a realidade externa de alguém que é incrível e abençoado como você. Ame-se, pois você vale muito a pena!

Afinal, como não amar alguém que você passa a vida inteira “sendo”?


Direitos autorais da imagem de capa: wallhere.com / 765315



Deixe seu comentário