Animais

Após muito tempo comendo pedras e galhos, cão abandonado foi salvo e nunca mais passou fome!

O antes e depois do cãozinho são impressionantes. Confira a sua história!



A história do cão Alex é mais uma daquelas que nos mostram que não importa quão séria seja a situação de um animal, nunca é tarde demais para ajudá-lo a ter uma vida melhor.

Segundo contado pelo HuffPost, o animal foi encontrado por Deanna Theis, da ONG Southern Animal Foundation, nos Estados Unidos, em uma página de controle animal. Ela percebeu que Alex estava muito magro e doente por causa do abandono e, se não fizesse algo por ele, provavelmente seria sacrificado.

Então, junto com outras pessoas da ONG, dispôs-se a cuidar de Alex. Os primeiros exames revelaram que o estômago do cão estava cheio de pedras e gravetos por causa da sua alimentação e que sua condição era bastante séria, estava inclusive “perto da morte”.


Direitos autorais: reprodução Facebook/Southern Animal Foundation.

Felizmente ele foi salvo a tempo e recebeu os melhores cuidados possíveis, que lhe permitiram se recuperar pouco a pouco. Pessoas de todo o país que se comoveram com a sua realidade enviaram doações para a ONG na esperança de oferecer uma nova realidade ao cãozinho.

Pouco tempo longe das ruas, num lar seguro e de muito amor, Alex teve uma transformação impressionante, que é fruto de toda a dedicação daqueles que não desistiram dele. Theis, que na época em que conheceu Alex já estava envolvida no resgate de animais havia cerca de dez anos, disse que sua relação com esse cãozinho foi diferente e lhe ensinou algo de que nunca mais esquecerá: não perder as esperanças.

Direitos autorais: reprodução Facebook/Southern Animal Foundation.


Direitos autorais: reprodução Facebook/Southern Animal Foundation.

Toda a trajetória do cão lhe mostrou que até mesmo os casos mais doloridos de abandono e abuso podem ter um fim diferente, especialmente se as pessoas se unirem para apoiar. Que história especial. Alex com certeza enfrentou maus bocados enquanto estava nas ruas, sem ter alguém com quem contar, seja para alimentá-lo, oferecer-lhe um teto ou mesmo um carinho genuíno.

É impossível mensurar suas dificuldades por ter precisado se alimentar de pedras e galhos, mas felizmente ele conseguiu ter uma recuperação emocionante quando alguém o enxergou e parou o que estava fazendo para estender-lhe a mão.

Direitos autorais: reprodução Facebook/Southern Animal Foundation.


Os animais são seres de pura luz e amor, que merecem o melhor da vida. Esperamos que, assim como Alex, todos que estão nas ruas consigam se libertar dessa realidade tão dolorida e conheçam o amor de verdade.


Não hesite em denunciar a violência contra animais. As denúncias podem ser realizadas através do número 190, em casos de necessidade imediata ou socorro rápido. Também podem ser feitas diretamente ao Ministério Público, pelo site do MP ou pelas ouvidorias dos Ministérios Públicos estaduais. Ainda é possível registrar um boletim de ocorrência em qualquer delegacia de polícia, inclusive eletronicamente em alguns Estados.


Astrid Fontenelle afirmou que filho sofreu racismo em praia: “Basta ser preto para ser o serviçal”

Artigo Anterior

Este jovem já arrecadou mais de R$ 480 mil para vendedores ambulantes afetados pela pandemia!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.