Aprenda a apreciar o caminho e não somente o destino

Apreciar a estrada, não somente o destino, é um maravilhoso ensinamento que sempre tenho refletido nas minhas viagens. Principalmente, com tranquilidade, sem pressa, curtindo cada momento de forma prazerosa. Se você focar só no destino, perde tudo que há no caminho e, às vezes, quando notar tudo de bom que há no caminho, até pensa em mudar o objetivo!

Se você não tem o hábito de viajar, viaje mais. Viajar é uma das poucas coisas na vida que compramos e automaticamente nos gera uma recompensa de riqueza.

Um dos melhores prazeres da vida é conhecer pessoas, lugares e culturas em que jamais pensávamos existir. A partir do momento que entender que a sua vida não se baseia somente na sua comunidade, no seu condomínio e se lançar para o mundo de maneira totalmente natural, sua mente vai começar a se expandir, sem ao menos você perceber.

O hábito de conhecer novas línguas, pessoas e culturas, não só lhe trará maior conhecimento, mas o fará pensar mais sobre o caminho que está traçando e não só o destino dele. O destino é inevitável, sendo aquele que você planejou ou talvez outro, se algum imprevisto acontecer pelo percurso. Mas pense no caminho, ele é totalmente aleatório, você consegue prever somente a quantidade de quilômetros que o levarão ao destino, mas não tem a mínima noção do que pode acontecer em meia hora, 1, ou 2 horas de viagem.

Será que você vai parar em um posto de gasolina e vai conhecer a pessoa amada da sua vida?! Será que seu pneu vai furar e vai fazer uma amizade que levará para sempre?! Será talvez que acontecerá o mesmo com outra pessoa e você terá a oportunidade de servir.

É esse prazer que eu quero demonstrar para você em poucas palavras, do quão importante é apreciar a jornada.

Vale a pena valorizar o caminho! Pensando agora de forma análoga em nossa vida: o que dá mais prazer, você conquistar uma pessoa que tanto quer ou ela vir de mão beijada para você?

Agora pense na casa que você mora hoje e antigamente você morava na casa dos seus pais, mas que um dia pensava em conquistá-la: o que foi mais prazeroso? Tê-la hoje ou sonhar com ela dia após dia, até conquistá-la? E aquele carro que tanto idealizou e quando começou a pensar nele, via diversos na rua e hoje você o tem? Já imaginou quantas estradas ele já enfrentou ao seu lado? Quantas vezes ele já o levou ao trabalho em segurança? Quantas vidas você conseguiu beneficiar com uma carona para qualquer lugar que seja ou talvez para o hospital? Pois é, tudo isso faz parte do caminho e não do destino. O destino é só a consequência do que você realizou hoje. Se deixar de lado o suor do dia-a-dia, nunca conseguirá chegar no destino almejado. Não vou ser hipócrita aqui e dizer que não seria bom ter nascido em berço de ouro, mas pode ter certeza que sente muito mais prazer aquele que conquista do que aquele que herda.

Acredite, a felicidade não está onde você quer chegar, ela está aqui e agora, ela é feita de pequenas partes invisíveis aos olhos, mas que podem ser sentidas. Não espere chegar para encontrar a felicidade, aprenda a apreciar a paisagem do caminho, entenda que a cada passo há uma lição a ser aprendida. Cada passo rumo à realização de um projeto é um ponto no grande mar de dificuldades da vida real. Um passo, um sonho, um pingo de felicidade.

A felicidade está na caminhada, e na paisagem encontrada a cada dia, está nas pequenas conquistas que nos torna melhores, nas pessoas que fazem parte das nossas vidas, que caminham conosco e que nos fazem rir e chorar. Ela está nos passos dados em relação à autorrealização. Tenha em mente que ela não pode e nem vai esperar a vida inteira.

Oportunidades vão e vêm a cada minuto, mas existem umas que nunca mais chegarão em nossas vidas. Saiba aproveitá-las!

Ser feliz é algo urgente, então aprenda a ser feliz com o que você tem e com quem você é. Aprenda a ser feliz com as pessoas que estão ao seu lado, com o sol, com a chuva, com o dia e com a noite. Aprenda a ser feliz com os quadros que compõem o grande museu da sua história e com o que você fez e com aquilo que irá realizar. Aprenda a ser feliz andando no caminho da luz. Felicidade é a certeza de que a nossa vida não está passando inutilmente. A alegria de fazer o bem é a única felicidade verdadeira. É muito melhor viver sem felicidade do que sem amor.

A FELICIDADE, ASSIM COMO O APROVEITAMENTO DO CAMINHO, É UMA ESCOLHA.

Se alguém não encontra a felicidade em si mesmo, é inútil que a procure em outro lugar. Às vezes ficamos preocupados com as decisões que tomamos em relação ao que os outros vão pensar, mas não importa o que você decidiu, o que importa é que isso te faça feliz. Jamais deixe que sua felicidade dependa dos outros. Ninguém deixaria de ser feliz por você.

Por fim, deixo um poema de Fernando Pessoa, para reflexão.

Não se acostume com o que não o faz feliz, revolte-se quando julgar necessário.

Alague seu coração de esperanças, mas não deixe que ele se afogue nelas.

Se achar que precisa voltar, volte!

Se perceber que precisa seguir, siga!

Se estiver tudo errado, comece novamente.

Se estiver tudo certo, continue.

Se sentir saudades, mate-a.

Se perder um amor, não se perca!

Se o achar, segure-o!


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: 123RF Imagens/NejroN.



Deixe seu comentário