Aprenda a lidar com as suas emoções negativas e a canalizar as positivas!

4min. de leitura

Conheça melhor as suas emoções negativas e aprenda a canalizar as positivas. É muito importante reconhecer e compreender nossos estados internos, por isso recomenda-se tanto o autoconhecimento.



Leia e entenda melhor! O texto traz pontuações importantes e de grande ajuda!

Ira

A ira é uma emoção energizante, é a mais sedutora e persuasiva das emoções negativas. Nesse estado, a atenção deve ser voltada aos pensamentos furiosos, ao diálogo interno, às sensações de perigo direto (físico) ou indireto (autoestima, dignidade) visando descobrir os gatilhos que disparam o surto de energia ou sequestro emocional. Exemplo: insulto, tratamento injusto, grosseria, humilhação, frustração, limitação.

A pessoa ofendida quer de toda forma acertar a desavença, então para lidar com a ira ela deve ter empatia, tentando entender a motivação de quem a provocou e saber que essa pessoa pode não ter consciência que despertou essa emoção nociva em alguém. Dessa forma, no lugar da ira, a vítima vai desenvolver a compaixão.


Preocupação

Ela é a fonte de toda a ansiedade, isso porque o foco do pensamento é o problema, ao invés do foco nas infinitas possibilidades de solucioná-lo.

Aliada ao medo, a mente fica obcecada, gerando fobias, compulsões e pânico. Juntos eles geram insônia, doenças psicossomáticas, sudorese e tensão muscular.

O medo paralisa, provoca a autossabotagem e a procrastinação. A conexão com o Universo desenvolve a confiança de que tudo já deu certo e começamos a agir como se já tivéssemos sido atendidos.


Tristeza

A tristeza pode evoluir para o estado de depressão, isolamento. Quando o sentimento está muito pesado, sentimos a necessidade de pôr para fora, chorando, mas quando continuamos a chorar por tempo prolongado, prolongamos a tristeza.

É necessário movimentar-se, estimular o corpo, tomar banhos quentes, ouvir musica, ajudar as pessoas necessitadas e socializar-se, inclusive relacionar-se com um parceiro(a) amoroso(a) para vencer esse quadro.

Alternativas

É muito importante reconhecer esses estados no início, por isso é tão recomendado o autoconhecimento. Além de fazer perguntas como: “Quais as decisões podem gerar resultados positivos em minha vida?” “Quais as ações dependem apenas de mim e são viáveis agora?”

Outras alternativas, são a distração e a diversão. Além de “esfriar a cabeça”, elas alteram o estado de espírito, isso porque o nosso cérebro está em constante estado de alerta para os perigos internos e externos.

Uma caminhada na natureza, praticar exercícios respiratórios e meditação, provoca relaxamento muscular e elimina os pensamentos que são gatilhos da das emoções negativas e que desencadeiam doenças.

Aprender a canalizar emoções positivas, motivadoras, energiza o nosso corpo, porque provoca estados positivos. Quem aprende a entrar nesse fluxo se adapta mais facilmente, encontra soluções criativas, alcança metas mais altas, torna mais otimistas, levanta-se mais rápido dos tombos que a vida dá e continua em frente.

Esses exercícios não dispensam as intervenções psiquiátricas e medicamentosas, em casos mais graves, mas os recursos terapêuticos são indispensáveis, porque ajudam a lidar com os problemas emocionais e a evitar que eles retornem.


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: 123RF Imagens.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.