4min. de leitura

Aprendi que o “nunca mais” nunca é cumprido, e o “para sempre” sempre acaba

A vida é efêmera e muda num piscar de olhos. Sabendo disso, temos que fazer o nosso melhor todos os dias para aproveitarmos ao máximo e vivermos sem arrependimentos.

A vida tem sua própria maneira de nos mostrar que as coisas estão constantemente mudando, e nossas realidades, por mais que nos façam felizes, não duram para sempre. Tanto as fases ruins quanto as boas em algum momento têm um fim, nada permanece da mesma forma por muito tempo, porque, se assim fosse, estaríamos condenados a sempre viver a mesma vida, sem nenhuma evolução ou inspiração.


O mundo que conhecemos hoje, provavelmente, já não será o mesmo amanhã. As pessoas que conhecemos e amamos agora, daqui há algum tempo podem se tornar nada além de desconhecidas para nós, e até mesmo nossos sentimentos e sonhos podem sofrer uma grande mudança rapidamente.

Isso pode ser assustador, mas a verdade é que quando entendemos o quanto a vida muda e nos educamos para respeitar esse ciclo, vivemos com mais tranquilidade e confiança, compreendendo que as coisas sempre conspirarão para o nosso bem e evolução.

A vida é efêmera e muda num piscar de olhos. Sabendo disso, temos que fazer o nosso melhor todos os dias para aproveitarmos ao máximo e vivermos sem arrependimentos.


Devemos viver com autenticidade, fazendo com que cada uma de nossas atitudes seja uma manifestação de quem realmente somos, esforçando-nos para que nossas ações valham mais do que nossas palavras.

Precisamos assumir a responsabilidade por nossas vidas e fortalecer nossas habilidades para que possamos sempre estar preparados para abraçar todas as oportunidades que surgirem em nossos caminhos.

Entenda que as palavras, por mais bonitas que sejam, não podem guiar as nossas vidas, porque a todo momento podem ser levadas pelo vento.  Todos os “nunca mais” em algum momento se repetem e os ‘para sempre’ se acabam.


No entanto, não devemos nos prender em nós mesmos pelo medo de não sermos valorizados. O que realmente devemos fazer é valorizar mais as atitudes, as demonstrações de amor, interesse, afeto. Devemos fazer com que o nosso momento, o nosso hoje, realmente valha à pena.

O amanhã pode nos guiar para um caminho totalmente diferente do que estamos hoje, e no final só ficaremos com as lembranças do tempo vivido. É por isso que devemos nos esforçar hoje para que tenhamos boas memórias, boas coisas para recordar. Nossas vidas são muito mais significativas quando podemos nos recordar daquilo que já vivemos, com alegria e gratidão.

Portanto, viva o seu hoje com atitude e responsabilidade. Faça da sua vida uma grande experiência que lhe mostre como ser melhor a cada dia e criar momentos únicos, que o acompanharão por toda a sua jornada. Aprenda a preencher cada espaço de sua história com sentimentos positivos e boas companhias, e não se esqueça que as atitudes permanecem, e devem ser tomadas com muito cuidado e dedicação.

Faça a sua parte para que, apesar de as coisas estarem mudando constantemente, sua vida seja sempre uma fonte de gratidão e sabedoria.


Direitos autorais da imagem de capa: Obra de Miho Hirano.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.